Home » + Chamada » Zé Ricardo e o suicídio

Zé Ricardo e o suicídio

A relação de comando de qualquer pessoa para com um grupo é muito complicada de manter. Um deslize e você perde o respeito, a confiança ou a liderança. Tanto faz. Se uma delas faltar, você está morto.

Zé Ricardo bancou o Flamengo dele até hoje as 10 da manhã. E ali ele tinha um time em crise mas com uma direção. Errada ou certa, ele acreditava em X e fazia X.

Quando escalou o time “dos outros” hoje ele se suicidou.  Se o Flamengo vencesse por 3×0 jogando muito bem, ele perderia a confiança do grupo porque provou pra si mesmo que estava errado. Ao escalar o time dos outros provou pro time que não acredita no que faz, ou que é passível de pressão.

O Flamengo perdeu hoje por lances individuais, por falta de capacidade de finalizar e criar, por erros táticos, técnicos, psicológicos, enfim, por todos os motivos possíveis.  Mas se há um perdedor hoje foi Zé Ricardo. Esse, no mínimo, perdeu alguma coisa.

Desconfio que seja o emprego, até.  Mas mesmo que fique, o treinador do Flamengo acredita no seu sistema de jogo, aceita pressão externa pra muda-lo do dia pra noite ou apenas viu que estava errado e errou de outra forma?

Difícil. Mas o tiro no pé foi disparado. Mesmo se seguir andando, vai mancar por muito tempo.

abs,
RicaPerrone

Comentários