O Corinthians limitado e guerreiro, o SPFC optando pela covardia e andando no campo. Um resultado que não é ruim para ninguém considerando a posição na tabela, o fator clássico, mas que ao mesmo tempo irrita ambos.

O Timão porque foi prejudicado pela arbitragem num gol claríssimo onde o bandeira e o auxiliar de linha não viram. O SPFC porque jogou 45 minutos com um jogador a mais para não produzir nada.

No final das contas os dois saem “satisfeitos” e “insatisfeitos”.

A máscara caiu no Morumbi. O time foi líder do Brasileirão e diversas vezes eu disse aqui que o futebol era bem diferente do resultado. A bola parou de entrar, restou o jogo mediocre praticado.

O Corinthians não cai. O SPFC não será campeão e a Libertadores direta, que já era consolo perto do sonho do título durante o campeonato, se torna mais distante.

Não pelos pontos. Pelo nível do rival. O Grêmio é muito mais time e joga muito mais futebol. Esse é o problema real. Não o juiz, a tabela, a chuva, o Everton…

abs,
RicaPerrone

Compartilhe!
  • 1
    Share