Home » Futebol » Clubes » Flamengo » Um Mengão com fome

Um Mengão com fome

Nada do que possa insinuar o placar de Flamengo x Figueirense tem a ver com o que merece ser observado. Ganhar do Figueira, com todo respeito, não faz de ninguém um candidato a título e nem sequer tira da crise.

O Flamengo que há tempos jogava como um bando teve, ao menos, uma cara. Jovem, sem barba, de potencial desconhecido, mas de interesse bem claro.

Se para muitos dos que lá estão a vida está feita, a carreira consolidada e caminhando (ou se arrastando) pro fim, é hora de dar uma injeção de vontade no grupo.

Dorival fez o que não esperava que fizesse. Achei que seria mais um a chegar e “manter o trabalho que vinha sendo feito”, bla bla bla.

Sem firulinhas, deixou claro que o trabalho anterior era uma merda. Tanto que mudou quase tudo. E se é um risco enorme fazer isso, é maior ainda o risco de ser “mais um” chegando e fazendo “o que todos fariam”.

Não sei se gosto de ver os meninos com a responsabilidade de tirar o Mengão dessa. Mas sei que gosto de ousadia, e eles tem.

Gosto de quem tem coragem, e Dorival teve.

Gosto de quem luta e o Flamengo lutou.

Não gosto de ver o Flamengo cheio de gringos, turistas ou galáticos afim de realizar o sonho de “vestir a camisa do Fla”.

Gosto quando lá tem gente afim de “suar a camisa do Fla”.

E garotos tem, quase sempre, essa vontade.

Se vem aí um “novo Zico”, “novo Zinho”, “novo Borja” ou “novo Iranildo”, não sei. Mas vem algo novo.

Exatamente o que o Flamengo precisa.

abs,
RicaPerrone

Comentários