Home » Futebol » Atlético MG » Teste não. Clássico!

Teste não. Clássico!

Muitos colocarão este Santos x Galo como um “teste” para o Santos. Se perder, “não é tudo isso”. Se ganhar, “chupa Barcelona”.  Não é por ai.

Não vou me alongar e ser repetitivo com relação ao que penso sobre os 12 grandes. Pra mim, entre eles, não há zebras.  Um dos clubes que PODEM parar o Peixe 2010 é o Galo, e os motivos são diversos.

Mas, antes, vamos por partes.

O Peixe joga a bola mais redonda do país, e isso não vai mudar com um resultado.

O Galo cresce desde 2009 e isso pode ser um passo enorme para confirmar isso.

O Santos jogará no Mineirão contra um Atlético motivado, com um treinador top, com uma torcida incrível, sem 2 titulares.

Pode, perfeitamente, perder o jogo. Como, se acontecer o contrário, o Galo terá perdido para o melhor time do país, que inclusive é melhor que ele hoje.

O time do Galo não é nada encantador, mas é arrumadinho. Faltam peças, não sobra banco, nem tem um talento fora do normal na frente. Mas não chega a ser ruim um ataque com Renan Oliveira, Ricardinho, Tardelli e Muriqui. Seria o Obina, mas machucou.

Não gosto do Tardelli, mas, não é o pior jogador do mundo. Quando quer, até joga alguma coisa.

Este jogo está perdendo parte da sua relevancia em virtude do Corinthians x Flamengo, e até sugeriria que fosse no dia seguinte. Mas, será junto, logo, terá menos mídia do que merece. Nada que apague a importancia dele.

O Peixe terá que encarar uma situação nova. Vai jogar fora de casa contra um time de massa, uma decisão, uma torcida muito forte. Estes meninos desconhecem isso, e não será nenhum absurdo se sentirem a diferença.

Acho que aí, na base da pressão, da grandeza do confronto, o Luxemburgo vai tentar “assustar” o Santos. E pode conseguir.

Ele não costuma ser burro, e por isso acho que agredirá o Peixe. Se não fizer, vai acabar como todos, perdendo.

E o Dorival, que perde Léo e Neymar, pode optar por manter o André e o time ofensivo, ou talvez recuar e perder poder ofensivo. O que seria uma enorme cagada com o “gol fora” valendo 2.

Jogaço, com leve favoritismo ao Santos pelo que vem jogando. Mas a camisa do outro lado pesa muito, e mata-mata não é pontos corridos.

Nele, não ganha o prêmio Sebrae melhor empresa e melhor planejamento. Ganha quem fizer mais gols, só.

Eu só não condicionaria uma analise ao Galo 2010 e nem ao Santos 2010 em virtude deste resultado. Acho injusto, pois qualquer resultado será absolutamente normal.

abs,
RicaPerrone

Comentários