Um dos mandamentos do futebol aprendi com Romário.  Toda vez que ele entrava no Morumbi pra jogar contra o São Paulo o vaiava como se só houvesse ele do outro lado. Era “o cara”, o “perigo” e, portanto, o “alvo”. Invariavelmente o jogo começava com vaias e terminava com um gesto de “cala a boca”....Read