Tag Archives: renato

Order By
Category
Format
standard
image
video
quote
audio

Cada um vê o jogo que quer

“À lá Grêmio”. Com todos os ingredientes que despertam nesse time já não tão esfomeado uma necessidade incrível de caçar. Com expulsão, drama, altos e baixos, vaias e aplausos, heróis e vilões e, óbvio, uma noite de copa vitoriosa. Era 5 do segundo tempo quando Geromel, o mito, resolveu o jogo. Notando a dificuldade de...Read

Fidelidade

Enfim, o Grêmio voltou a jogar como funcionava. Foi fiel ao seu estilo de jogo, a posse de bola, a não queimar pro gol de qualquer jeito. E também por fidelidade, parou na defesa do Bahia. Renato tem no André um desafio, não um centroavante. Antes do jogo falavam que o Luan seria o “falso...Read
pluto

Não vale nada

O campeonato Gaúcho “não vale nada”.  Todo torcedor diz isso durante meses até que a óbvia final aconteça. Quando frente a frente Grêmio e Inter o que menos importa é pelo que estão brigando, mas sim quem ganhará a briga. Briga é um termo feio. Mas Grenal nem é esporte. Aos 8 minutos era claro...Read

Adorável ódio

Lados. O Grenal se trata de lados. Como recentemente em todo país, não há meio termo. Ou você é uma coisa ou outra. E ser de um lado te obriga a odiar o outro, caso contrário está invalidada sua razão de ser. Há um século Grêmio e Inter vivem e carregam o que hoje o...Read

Coming soon

O Flamengo tem sido há algum tempo a propaganda de um filme de alto orçamento. O filme é bom, mas a propaganda é tamanha que invariavelmente as pessoas saem do cinema esperando mais. E então dizem: “é ruim”, porque o ser humano é meio radical. Ou algo o surpreende ou ele acha uma porcaria. E...Read

Não dá pra sair

Se o Zico fosse treinador do Grêmio hoje ele permaneceria. E não por qualquer demérito ao interessado, mas porque o Tricolor gaúcho segue escrevendo páginas absolutamente incríveis para sua história. Se o Renato preferisse sair do Grêmio agora e ir pro Flamengo para ganhar igual ou menos, meramente por amor a cidade do Rio de...Read

O estranho foi em Abu Dhabi…

Uma vez é sorte, duas talvez ainda seja. Por 2 meses pode ser fase. Por 6 é muito provável que seja trabalho.  Por mais de um ano torna-se indiscutível.  E então os resultados começam a flertar com a divino. O Gremista gosta de Copas.  Ganhou as 3. Gosta de ser colocado em dúvida, montou um...Read

Voltei!

Sabe a diferença entre um tijolo e um gato? Joga os dois na parede, o que miar é gato. Alguns nascem pra casar, ter filhos, sogra, jantar de domingo, casa na praia e vida de revista. Outros não. O Flamengo hoje domesticado por um pai de família cristão e mão de ferro não suporta a...Read

Carol, Carol, Carol…

O sonho, a angustia, a conquista. Ao final, o abraço sem protocolo de Carol no seu pai, Renato, onde se consagra pela segunda vez como ídolo de uma nação.  Pai e filha comemoram juntos no gramado e nota-se imediatamente que “A Carol não poderia estar ali”. Não poderia. Mas deveria, e estava. A discussão no...Read

O joguinho que virou jogão

Santificado seja o tal do João de Deus! E vai gostar de futebol assim lá no céu. Eu não vi nada além de um jogo onde o Paysandu foi melhor que o Fluminense e merecia até, quem sabe, vencer o jogo.  Um time organizado e limitado contra um Fluzão muito técnico e muito perdido com...Read