Tag Archives: Michel Bastos

Order By
Category
Format
standard
image
video
quote
audio

Pouca bola, muita história

O Morumbi viveu mais uma noite especial. Não pelo futebol apresentado nele, o que na verdade pouco importa, já que Libertadores não tem muita relação com o esporte em questão. Mágico quando os times entraram em campo, trágico quando caiu parte da grade de proteção. Enquanto Galo e São Paulo buscavam uma bola e bico...Read

Sem a verdade é tudo blá, blá, blá

Entre o que sei, o que ouço e o que acho há uma delicada relação que pode mudar com uma frase.  O caso Michel Bastos no SPFC é típico.  Você não sabe quem está falando a verdade, os jogadores tem medo de expor a diretoria em casos de atraso, a diretoria fica muda e o...Read
pluto

Ressurreição

Verdade que com diversos “poréns”, mas nada tão relevante quanto rever o Tricolor jogar uma partida de Libertadores como se deve. Com um Morumbi “meio cheio”, uma noite incomum e um jogo cheio de particularidades, houve entrega. Sangue nos olhos, faca nos dentes e cara feia. Enfim, um time que compete. Caberá ao Corinthians a...Read

Tá olhando o quê?

Existem jogadores ruins dispostos a jogar bola, outros que sabem jogar e não correm, uns tantos que não fazem nem uma coisa nem outra. Ganso é um craque. Ele sabe absolutamente tudo que um meia precisa saber pra se tornar um grande jogador. O que não parece notar de forma alguma é que ele é uma...Read

Puta que pariu!

35 do segundo tempo. O São Paulo está morto em campo. Se arrasta, perde a bola, arma um contra-ataque e quase consegue a proeza de perder pro time do San Lorenzo que sequer tinha intenção de fazer gols nesta noite. A torcida já canta por obrigação. O time sabe, sente. Não havia um sãopaulino no...Read

On / Off

No Morumbi meio vazio por culpa da fase meio ruim e dos ingressos meio caros, um time meio espetacular, meio sonolento. Há uma chavinha escondida no estádio com as opções “show de bola” e “dar sono”.  Não há meio termo.  Os primeiros 15 minutos do São Paulo fariam inveja a qualquer time do mundo. Os...Read

Os “lá de fora”

Temos o péssimo hábito de avaliar de qualquer jeito o que não conhecemos bem. Me lembro que um dia um clube brasileiro falou em “Michel Bastos” e logo os entendidos em futebol europeu o valorizaram como um grande lateral. Mais tarde a seleção o chamou e foi motivo de “chacota”.  “Quem?”, perguntavam, debochando do não...Read