Quando o Flamengo entrou em campo domingo ele tentou explodir sua torcida a seu favor.  A idéia da bandeira, da entrada sem protocolo, etc, é tudo muito legal.  Eu mesmo na hora achei divertidíssimo.  Mas de fato havia as crianças.

Crianças que foram ignoradas por uma atitude que, legal ou não, quebrou o combinado.  Fosse uma entrada em campo seguida de uma explosão da torcida e um gol no começo, as crianças não seriam notadas até hoje. Mas Riascos zelou por elas.

Toda a tentativa do Flamengo de entrar num clima de decisão acabou ali. Dali pra frente o time correu o que dava, tentou o que era possível e tudo bem.  Mais um jogo, mais um clássico, mais uma derrota. Tanto faz.  Aliás, o Flamengo hoje é um time que “tanto faz”.

Mas para as crianças, não é “tanto faz”.  Fazia toda a diferença dar as mãos a um “herói”.

Erraram. Não na idéia, mas na execução. Poderiam ter combinado com as crianças, dado algo a elas, levado no vestiário e compensado antes da entrada em campo. Falta dialogo entre futebol e marketing no Flamengo.

Agora, sejamos justos.  Não fosse Riascos, um gol do Guerrero com 15 minutos, quem se importaria com as crianças?

abs,
RicaPerrone

Compartilhe!
This error message is only visible to WordPress admins

Error: Access Token for ricaperrone is not valid or has expired. Feed will not update.

There's an issue with the Instagram Access Token that you are using. Please obtain a new Access Token on the plugin's Settings page.
If you continue to have an issue with your Access Token then please see this FAQ for more information.