Home » Futebol » Clubes » Flamengo » Quanto vale uma camisa?

Quanto vale uma camisa?

Até outro dia o Flamengo tinha a capacidade de ter 35 milhões de torcedores e vender sua camisa por menos do que clubes com 10 milhões de torcedores. Agora, a diretoria fala em 17 milhões. Menos do que ganha o Corinthians, de Ronaldo.

A questão é outra: Quanto vale a camisa do Flamengo?

Se o SPFC recebe 15, o Corinthians 18… o Flamengo não pode negociar essa camisa por menos de 20 milhões. 

Claro, existe a tese um tanto quanto discutivel de que “O SPFC ganha mais titulos”, ou que “o Fluminense tem mais time”, etc. Mas, nada disso é tão relevante quanto parece, se fosse, o SPFC teria aumentado sua receita de patrocinio com 3 brasileiros, e na real, ao renovar, só manteve.

O que importa ainda é a exposição e uma mídia eterna, já que as camisas vendidas hoje desfilarão na rua pra sempre. Ninguém aparece mais do que o Flamengo na mídia, isso é fato incontestável.  Existem mídias regionais, e nestas ele não é destaque, óbvio. Mas, no que é nacional… convenhamos, é um abuso.

São 35 milhões de torcedores. E pior: Torcedores que consomem ao menor sinal de boa fase. 3 vitórias seguidas e tome Maracanã lotado, faixa, bandeira, euforia, etc.  Não precisa ganhar em dezembro pra vender. Dá pra vender o ano todo, dependendo do time.

De qualquer forma, mesmo que vendam a camisa por miseros 16 milhões, o Flamengo já tem uma verba bem razoável pra não ficar devendo pra jogador.

Faz as contas: Era 14 da Petrobras e 9 da Nike. Dá 23.

Serão 16 (no minimo) do Patrocinador e mais 21 da marca esportiva, que deve entrar em junho. São 37 milhões no ano só com patrocinio. Poderiam ser 40, 45. Mas, não dá pra imaginar que Kleber Leite e Marcio Braga fariam algo muito bem feito pelo Mengão.

E se um time Europeu tivesse a torcida que tem o Flamengo? Valeria quanto? 200? 300?

A população de muitos países é menor que a torcida do Flamengo, e para os nossos sábios dirigentes isso não tem valor de mercado.

Depois perguntam porque o futebol brasileiro não evolui quanto poderia. Sabe o que sempre ouço de dirigentes de clubes de SP, inclusive o Casares já me disse isso em entrevista? Que o Flamengo é quem deveria puxar o trem. Ou seja, por ser o mais “caro” em tese, devia subir os valores, e os demais virem em seguida pedindo mais e mais a cada ano.

Como o mais popular dos clubes não sabe usar seu tamanho direito, os demais ficam também de mãos atadas. Afinal, o que dirá um dirigente do Palmeiras quando pedir 20 e ouvir: “Porque? O time que aparece mais na TV custa 15…”.

Ah, outra coisa! Camisa bonita era aquela com listrar grossas. Não essa aí que parece camisa de serial Killer de cinema…

abs,
RicaPerrone

Comentários