Home » Futebol » Perigoso e épico

Perigoso e épico

A volta de Renato Gaúcho ao Olímpico não diz respeito apenas ao retorno de um ex-jogador numa nova função. Como Zico para o Flamengo, como Roberto para o Vasco, Renato é um ídolo incontestável do Grêmio, daqueles que ninguém discute.

Será o treinador de um bom elenco, com capacidade para disputar o título até, mesmo que a distância, hoje, seja enorme para os lideres. É arriscado, eu não faria, porém, também é um dia histórico.

Renato é ídolo no Flu, no Fla, no Grêmio e também em alguns outros clubes, não com a mesma intensidade. No Tricolor gaúcho ganhou tudo, se tornando o maior nome da história daquele gigante, o que convenhamos, não é qualquer coisa.

Se tornou treinador e alternou bons e maus momentos, sem ainda se firmar definitivamente entre os tops. Mas, já ganhou respeito.

Há anos o Grêmio ensaia o convite, o Renato ensaia pensar nele. Nunca deu certo, até pelo medo que ambos tem de mexer na relação Renato/Grêmio, que é linda e digna de ser preservada. Desta vez, eles se renderam e vão correr o risco.

Eu não correria. Não por achar que ele não tenha capacidade, pelo contrário. Mas por achar que uma vaia ao Renato no Olímpico não é algo que deva fazer parte dessa história.

Claro, há o outro lado, que é a parte “épica” da coisa. A volta do ídolo, a chance de vê-lo campeão ali novamente, etc. Isso tudo é válido e torna ainda mais interessante a volta de Renato.

Ao contrário de muitos, gosto do Renato. Como jogador, como técnico e especialmente como pessoa. Me parece um sujeito engraçado, cheio de marra, mas que é aquilo ha 30 anos e não fica fazendo tipinho pra agradar esse ou aquele. Gosto disso. Prefiro gerar ódio do que ficar mudando pra agradar, e o Renato é assim.

Daqueles personagens que fazem bem ao futebol. Daqueles treinadores que polemizam os jogos, que saem fazendo barulho na vitória e que sentem a derrota. Que faz o futebol ser mais “vivo” nas pessoas, no clube.

Não sei se será uma boa pro Grêmio, nem pro Renato. Mas pro futebol, sem dúvida. É um atrativo a mais no Brasileirão e num dos maiores clubes do mundo.

Que dê tudo certo. Faço votos.

abs,
RicaPerrone

Comentários