A quarta aposta seguida do Botafogo está correta. Tal qual as outras 3, diga-se.  Apostar algo dá a qualquer apostador o risco de perder muito e também de ganhar mais do que se esperava.  Vide 2016/17 com Jair. Também como a Libertadores anterior onde a aposta não funcionou.

A de 2018 foi precipitada. Uma aposta dada como perdida em 20 dias. E então a nova aposta já chega com contrato de 2 anos, o que indica convicção. Mas o histórico recente do clube atesta que não há.

Do que tem hoje no mercado, TODO time seja ele rico ou pobre, deveria buscar um novato.

Simplesmente porque o antigo está antigo demais. Porque os novatos tem uma escola mais moderna, uma cabeça mais profissional e porque entre a certeza do mediocre e a dúvida do brilhantismo, sempre a segunda.

Valentim nunca fez nada demais. Mas chega com mais moral do que o anterior. Porque? Sei lá. Mas chega. Talvez porque vem de fora.

Escolha acertada. Aposta de gente grande. Mas banque-a! Porque se em 20 dias não funcionar, talvez seja mais fácil ser mediocremente conservador do que correr riscos e não contar com eles.

abs,
RicaPerrone