Home » + Chamada » Os pés no chão levam além

Os pés no chão levam além

O Vasco venceu o Bahia numa atuação “ok”  hoje pela manhã. Mas teve mais em cima desse jogo, bem mais.  E ao contrário do que o vascaíno pensa quando se revolta com as piadas sobre a imagem dos “45 pontos” vazadas pelo Douglas na preleção, ele deveria ficar feliz.

Quando um time entende o cenário, as chances dele errar diminuem.  O Vasco não precisa se desesperar por 45 pontos, mas a sua primeira meta é sim a de fazer 45.

Depois, quem sabe, sonha-se mais alto, como fez brilhantemente o Botafogo em 2016.  Mas ele não entrou no campeonato pra buscar 60 pontos. Se tivesse entrado, talvez não tivesse nem evitado o rebaixamento.

O senso de realidade, somado ao apoio do torcedor fará do Vasco mais forte do que ele pode ser naturalmente.  A torcida não foi ao estádio hoje porque esperava um espetáculo, mas sim porque concorda com os 45 e sabe que pode ajudar.

Esse ambiente, esse entendimento podem fazer o Vasco ir além dos 45.

A cobrança, o medo do que “vão pensar” quando se assume essa condição, podem leva-lo ao quarto rebaixamento. Não é time pra cair, nem pra ser campeão. Mas por tudo que envolve o Vasco hoje, é bom evitar a queda primeiro.

E não, não há nenhum problema em reconhecer isso. Problema seria o torcedor ir a Sao Januário encher estádio pensando em título.  Não foram. Não haverá surpresa.  É só amor. Sem cobrança, com pressão, perdão, mas uma motivação: manter o Vasco vivo até que os “sequestradores” o devolvam.

abs,
RicaPerrone

Comentários