Home » Futebol » O rei da ética

O rei da ética

Esta notícia me deixa feliz. Sim, pois em junho de 2009, quando Muricy ainda era Deus pra alguns tricolores, eu achei patético ele acusar o Cuca de anti-ético por manter relações com ex-colegas de trabalho, como diretoria do SPFC.

Mas, na época, como ele era coitadinho e o Cuca ia mal no Flamengo, poucos questionaram. Eu, como sempre, questiono o que diz este sujeito. E hoje, dou risada desta notícia, pois também ouvi de fontes que ela é verdadeira.

Olha o que disse o senhor ético e coerente, nada marketeiro e que trabalha mais que os outros em 2009:

“O mais importante é você ser correto. Hoje, o futebol está difícil porque os técnicos não se respeitam. O Cuca liga para o Juvenal Juvêncio para saber como ele está, pergunta se ele poderia pedir demissão do Flamengo. Estamos em uma situação difícil e o Cuca liga para saber se pede demissão ou não. É demais, né? Ligar para o presidente do clube é um absurdo. É uma falta de ética do caramba. Um absurdo”.

Ou seja, para ele mesmo, não é correto, nem ético.

Eu adoro esse sujeito. É o tipo do cara que te dá razão sem que você tenha que fazer nada. É só assistir…

E tem cego que ainda cai nessa, o que é pior. rs

abs,
RicaPerrone

Comentários