Home » Futebol » O primeiro finalista

O primeiro finalista

O Peixe está na final do Paulistão 2009! Não satisfeito em tirar a vantagem do Palmeiras, ainda venceu os 2 jogos, diga-se, jogando bola e agredindo.

O Mancini tem uma filosofia de jogo que merece registro. Ataca! Gosto disso, apesar de não achar justo ainda o rótulo de “baita técnico” que alguns já ensaiam.

A diferença dos dois times foi mais na cabeça do que na bola. O Santos foi com moral pro jogo, o Palmeiras pressionado.

O Palmeiras não sabe se defender, o Santos tem zagueiros bem melhores.

O Santos fez 1×0, o Palmeiras transformou sua ansiedade em desespero pela terceira vez no ano em casa.

O Santos teve seus talentos individuais com espaço, o Palmeiras não.

Os méritos de ter esse espaço eram do Peixe, que venceu em casa. O Palmeiras teve o destempero como maior característica.

O banco do Verdão pediu água hoje. Sem Edmilson e precisando mudar durante o jogo, Luxemburgo não tinha nada a fazer.

Fábio Costa mostra, como sempre, que é tão bom goleiro quanto desequilibrado, irregular e polêmico. Não gosto dele.

A zaga do Palmeiras confirma jogo após jogo: Não tem bala pra aguentar um grande ataque.

Fabão, como sempre, voa em jogos importantes.  Keirrison, por enquanto, some.

O Palmeiras fica com a Libertadores, onde suspira ainda.

O Santos fica com a final do Paulistão, que pela situação em que se encontrava antes de classificar, é um baita lucro.

O primeiro finalista é merecedor da vaga. 

Amanhã, conheceremos o segundo.  Sigo com meu palpite inicial, que já deu 50% certo: Os não envolvidos na Libertadores passam.
Foco é tudo. Agora… o SPFC mudou isso ao trocar o planejamento anunciado de ultima hora.  Ele passa a ter muito mais obrigação de fazer uma grande partida ao se dedicar a ela…

abs,
RicaPerrone

Comentários