Eu não queria criar expectativa, mas se eu não fizer isso estou sendo cético e brigando com os fatos. A gente tem o direito de viver uma grande paixão mesmo que o risco de terminar numa grande frustração aumente conforme a entrega.

É proporcional a dor e fé.

Vai doer se não der. Mas o lado bom da vida é exatamente o que passamos acreditando, não o que passamos evitando nos decepcionar.

Eles merecem. Fazem por onde e está diante dos nossos olhos o favoritismo conquistado pelo trabalho e não apenas pela camisa amarela.

Goleamos, jogamos bem, tocamos a bola como brasileiros e temos craque. Somos o que adoramos ser. O tabu diz que somos sempre campeões quando não somos favoritos.

E eu lhes digo que o tabu que se foda.

O hexa pode até não chegar. Mas que ele  está a caminho, está.

abs,
RicaPerrone

Compartilhe!
  • 18
    Shares