Home » + Chamada » Não há racismo

Não há racismo

“Criticam o Cristovão porque ele é negro”.  Essa é a uma das frases mais covardes em troca de audiência que já vi na mídia esportiva. E agora Eurico, de onde pouco se espera, diz que concorda. Que estão perseguindo o cara por “racismo”.

Ora, Eurico, faça-me o favor. Você é branco pra caralho e ouve tanto ou mais do que ele. Todo treinador fraco é vaiado, e v0cê contratou um.

O Cristovão não é um grande treinador, é um rascunho disso. Ele promete, talvez, quem sabe, um dia, se tornar. Hoje, não é. Vem de trabalhos fracos, resultados ruins e rejeição enorme.  Não porque é negro, mas porque é fraco.

Um sujeito de bom conhecimento, mas não de bom comando.  Um cara de boas idéias, mas ainda ruim para controlar o grupo.

É muito fácil ir na mídia e jogar pros leões uma questão delicada que blinda seu erro em contrata-lo.  Não porque tem 1 ou 2 meses, mas porque ele não tem nada que o rotule diferente de “uma aposta”.  Uma aposta que, até hoje, deu muito mais errada do que certa.

Eurico, comentaristas do pelo em ovo, etc. Vamos falar o portugues claro para ver se há entendimento:  “Não é porque ele é preto. É porque ele é ruim. ”

Menos. Bem menos.

abs,
RicaPerrone

Comentários