Home » Futebol » Atlético MG » Gigante, sim senhor!

Gigante, sim senhor!

Todo campeonato é a mesma coisa. O Galo entra, sai e o discurso de “não é mais um dos grandes” volta a ser a pauta.  Tirando os cruzeirenses que obviamente aproveitam pra tirar sarro, que é saudável e natural, as demais analises se baseiam em uma fase.

Sim, fase. Porque o Galo, sem ser campeão, é o time que mais chegou entre os 4 primeiros do Brasileirão, por exemplo. Sem conquistar grandes títulos segue sendo metade da força de Minas e, portanto, com enorme impacto no futebol brasileiro.

Hoje, enquanto precisou ser grande para reverter, conseguiu. Aí vem a maldita mania de transformar a vontade de virar em “medo de perder o que já fez”.  2×0, tava bem. Era só continuar e faria 3, 4, até 5.

Mas uma coisa é ter que buscar o 2×0, outra coisa é o medo de tomar o 2×1. E aí o grande se complica, quase sempre.

O Galo decepciona de novo, está fora, vai ser motivo de mais uma semana de discussões sobre sua real grandeza e mil teorias dos “porques” de sua fase ruim durar tanto.

Mas dura, faz parte. Há 10 anos eu brigava com os torcedores de Fla, São Paulo, Corinthians, Inter e cia porque diziam que o Flu era um time pequeno.  Hoje, acho que a razão era minha em dizer que não.

E amanhã direi o mesmo do Galo, como hoje já começo a ver de perto um Botafogo novamente muito forte. Não por 5 meses, não por 1 ano. Mas pela evolução dos últimos 10.

Gigantes dormem e acordam. Anões não crescem.

Não duvide de um gigante. Temos 12, queiram ou não.  Tentar tirar um deles da lista costuma virar piada num futuro próximo.

Vasco, Flu, Bota, Inter quase falido, Gremio que foi a série B, o Palmeiras que há anos não ganha nada, que ficou 18 anos na fila, o Corinthians dos 23 anos sem nem um paulistinha…

E ai? Mudou? Não mudou.

Paixão se exercita com alegria e dor. Só alegria enjoa, só dor afasta.

A hora do Galo vai chegar. Não tenha duvida disso.

Enquanto isso, merecidas criticas para mais uma eliminação.

abs,
RicaPerrone

Comentários