Quando o rubro-negro se mostra puto e revoltado eu acho engraçado mas compreendo. Ele quer título ou nada, não há meio termo ou análise fria sobre a clara evolução do Flamengo enquanto clube.

Até no futebol, onde o clube errou muito nos últimos anos, houve evolução e as chegadas em finais e semifinais provam isso. Foram detalhes que separaram o Flamengo dos sonhados títulos, e esses detalhes serão corrigidos em breve com qualquer um que ganhar a eleição.

Em 2018 o Flamengo já fez 72 pontos e pode ir a 75. Em 2016 ele fez 71, e quando campeão em 2009 fez 67.

Veja você, rubro-negro, que o seu time fez SIM o que ele tinha que fazer pra ser campeão. Mas outro fez muito mais do que o normal e por isso levou.

Tratar a campanha do Flamengo como fracasso, fiasco, algo ruim ou desmerece-la é tão covarde quanto fingir todo ano que é surpreendente o clube ir mal na Libertadores e culpar os “tempos modernos” por isso.

Não brigue com números. Ninguém quer que você vá na rua comemorar um vice. Mas se você for protestar e vaiar com 72 pontos você também está cometendo uma injustiça terrível.

RicaPerrone

Compartilhe!
  • 3.3K
    Shares