Porque as meias palavras? Se você de lá sabe e comemora, e eu de cá sei e lamento, podemos falar de forma mais clara sobre o assunto, não?

O São Paulo não suporta ver o Corinthians num confronto eliminatório. Pronto, ta dito.

São números, história, e por mais que vá aparecer algum blogueiro tricolor encantador de burros pra confrontar e aumentar sua tropa, é o fato.

O Corinthians jogou mal, o SPFC também. Mas como se propos apenas a defender o segundo tempo inteiro, até que funcionava. Eram 10 atrás da linha da bola, o Corinthians não sabia como entrar.

Entrou. Aos 47, numa bola parada, mas entrou. E então toda a covardia do SPFC foi mais uma vez castigada pela irritante calma do adversário, que pode estar tomando de 5 ou ganhando de 8 não muda a forma de jogar e trocar passes.

Diego Souza teve a bola do jogo, correu pra lateral. Nã0 é culpa do Carille se o 9 do São Paulo prefere o pau da bandeira ao gol nos acréscimos de um clássico decisivo.

Pra ser como o corintiano gosta, aos 47, depois nos penaltis já nas cobranças alternadas. E pelas mãos de Cássio, herói da noite.

Vai der Palmeiras x Corinthians. E se você excluir os detalhes e focar no que foi o campeonato até então, terá a final dos dois melhores times.

Ganhar do Corinthians é um resultado comum, de jogo. Eliminar o Corinthians é muito difícil. Pelo menos pro São Paulo é uma das coisas que ele pior sabe fazer.

abs,
RicaPerrone