Nós estamos prontos. Como jamais em toda a história da seleção estivemos. E afirmo isso com absoluta certeza, pois até algum tempo atrás a preparação era secundária e desde que se tornou fundamental passamos longe de ter o que temos hoje.

Temos um grupo, comando, um respaldo absurdo por trás do Tite e um trabalho que pouca gente tem ideia de observação e coerência.  Ele sabem de tudo, acompanham detalhadamente tudo, planejaram tudo e fizeram tudo certo.

A seleção está pronta. Os 23 são pouco contestáveis. Talvez um ou outro, como em todas haverá. Mas a linha está mantida, nenhum absurdo estará na Copa e todos estão correndo muito atrás dessa conquista.

O que vamos fazer na Russia não é o que fomos fazer em 2006, nem 2010, menos ainda em 2014.  Também não estamos indo como em 94, onde eramos duvida. Longe de 90, mais ainda dos “veteranos” de 70.

Essa seleção pode ganhar ou não. É do jogo. Mas se ela perder, será como em 82. Nós vamos chorar, não ficar putos. Vamos como favoritos, vamos brilhando, com tudo dando certo. Sim, somos os melhores 11 que a Copa tem. E isso pode não refletir numa taça.

Tem gente incapaz de entender que dentro da CBF há coisas boas e ruins. E a seleção é algo que funciona e muito bem. Tite e Edu montaram um time maravilhoso, fizeram tudo certo e agora vão virar ver qual rótulo eles carregarão nos ombros pro resto das vidas.

O futebol não é justo e se fosse ninguém assistiria. É chato, os jogos ruins são maioria, tem poucos “pontos” e é o único esporte onde a defesa se sobressai ao ataque.

Não sei se vamos ganhar. Mas eu tenho absoluta certeza de que tudo que estava ao alcance da seleção para chegar lá pronta foi feito. E agora, juntos, vamos chorar ou festejar. Mas xingar, duvido.  Duvido mesmo!

abs,
RicaPerrone