Home » + Chamada » E tu, jogou aonde?

E tu, jogou aonde?

Eu queria um Globo Repórter contando a origem das pessoas que hoje comentam futebol por aí.  De onde vieram, o que comem, quem são seus pais e principalmente…. onde jogaram!?

Em qualquer ambiente de profissionais a frase “jogou aonde?” é mais repetida do que “boa tarde”. É uma forma de brincar e intimidar o adversario. Uma entre amigos, a outra em campo.

Mais velha que andar pra frente. Irmã do “chupou laranja com quem?”,  “assinou sumula?”, “ganhou o que?”, entre outros.  Se pro torcedor é uma novidade (que nem deveria ser) ao menos pra quem se presta a trabalhar nisso caberia a função de desconstruir o monstro que tentaram fazer no Robinho hoje.

A ceninha Fla x Cruzeiro na final é muito fofa, mas não é padrão, espero que jamais seja, e nem é o que esperamos do esporte que amamos. Em todo esporte a  rivalidade é fomentada, não aliviada.  E se era lindo Pelé dando cotovelada em uruguaio, porque é tosco o Robinho sacanear o rival dele?

Aliás, tu sabe o que o cara disse?  Nem eu.

Te mete, não.

Uma vez a imprensa de São Paulo ficou escandalizada porque gravaram o Felipão dizendo que no Palmeiras x Corinthians se tivesse que bater e cuspir de volta, tinha que fazer.

Ai que fofura! Na redação tudo santo, ninguém fala essas coisas, vivem louvando ao senhor, bebem pouco, não traem as esposas, não falam mal dos outros e nem menosprezam estagiários.

Fala sério!

Aí perde o campeonato, desliga o microfone e diz “falta bandido nesse time”.  Ué?

Aliás, e você? Publicou o que? Entrevistou quem? Fez campanha pra qual cartão de crédito? Qual operadora de celular? Deu quantos views?

Então…

abs,
RicaPerrone

Comentários