Home » Futebol » Lendas do futebol (page 2)

Lendas do futebol

Não sabe? Então está fora!

Aconteceu faz pouco tempo. Um grande clube do pais tinha um jogador já com pinta de craque quando seus empresários resolveram vende-lo por ai.
Um assinou com um, outro com outro, o jogador ficou igual um babaca no meio da historia sem saber pra onde ia.

Read More »

Duvida? Então tá…

Libertadores 2004. Um time brasileiro fazia compras num shopping que havia dentro do hotel da delegação quando um “negão” ouve um comentário da vendedora.
Com sotaque, claro, o comentario dizia algo como: “Falam que todo negro tem pinto grande, mas pra mim é mentira! Eu não acredito nisso”.

Read More »

Fica, professor!

Essa historia eu confirmei no ar com o Rogério e outros jogadores, portanto, vai com nomes.
Em 2005, após a conquista da Libertadores, Autuori passou por problemas pessoais e ficou meio dificil trabalhar. Não vou ficar entrando em detalhes porque não acho legal, mas, mexe com a vida da pessoa uma separação tendo filhos.

Read More »

Comentários brilhantes

Três boas histórias de rádio. Não vou dar nome de todas porque não lembro mesmo, mas as histórias são conhecidas no meio e talvez alguém me lembre os nomes.

Read More »

O nosso é maior!

torcida Essa eu ouvi hoje e é fantástica! Final do estadual 2009, não conto em que estado e nem qual clube, óbvio. Um dos técnicos, achando que o time dele era menos "forte" que o outro, preparou um "fator motivacional".
A imprensa previa um jogo duro, mas apontava o rival como favorito por ter melhores jogadores. Preocupado, ele toma uma decisão e resolve "motivar" o elenco com belas palavras.

Read More »

Lendas do futebol – Lolinha, o craque!

Hoje, numa churrascaria com um amigo, lembrei de uma história sensacional. Como não tenho o que postar, vai ela mesmo. rs
1998, Palestra Italia. Estreariam Paulo Nunes, Arce e Arilson, o trio do Gremio. Palmeiras x CSA, acho que era Copa do Brasil, algo assim.

Read More »

Telê, o vilão de 92?

1992, Libertadores da América.
Telê não gostava da competição porque o jogo era muito marcado, pegado, enfim, não fazia seu estilo. Ele não queria priorizar aquilo, mas o clube queria.

Read More »

A Copa que Zico ajudou a ganhar

Na década de 80 um garotinho torcedor da Udinese ganhou um ídolo. Morava perto do clube e ia assistir ao treino todos os dias. Olhava tudo que seu ídolo fazia e repetia em casa até acertar.
Cobrava faltas até derrubar a camiseta pendurada no angulo, como seu ídolo. Andava igual, tocava a bola parecido e estava sempre de cabeça erguida em campo.
Foi treinando até se tornar jogador. Apaixonado pelo futebol brasileiro, Roberto cresceu e talvez tenha sido um dos italianos que mais tenha se aproximado do toque de bola que temos aqui.

Read More »