Home » Futebol » Campeonatos » Copa do Mundo » África do Sul 1×1 México

África do Sul 1×1 México

Começou a Copa de 2010! A África do Sul, em casa, empatou com o México por 1×1.  Se alguém saiu de campo com sabor de derrota foram os africanos e não os “favoritos” mexicanos.

Dois times completamente diferentes na forma de atuar mas que tiveram o mesmo “medo” de vencer.  Enquanto um não teve vergonha de só contra-atacar, o outro teve vergonha de chutar no gol.

A bola ficou com o México o tempo todo. Quase 60% de posse de bola, mas… e aí?

Fica com ela, toca, toca, mas não cria. Quando criou, o goleirão africano salvou a pátria, literalmente.

Parreira odeia futebol, todos sabem. Ele preza pela parte defensiva e o gol achado. No caso da África, pode parecer razoável, por não ser uma grande seleção. Mas, discordo.

Os africanos tem alguma técnica, alguma molecagem, mas são ruins na defesa. Quando você mete o time todo na defesa, simplesmente se elimina a maior qualidade do time em troca de cobrir o maior defeito.

Futebol é equilibrio. E o Parreira acha que o equilibrio está em marcar o rival e achar gols no contra-ataque. Avisa ele que o Romário não tá lá pra salvar o emprego dele dessa vez.

A África teve alma em campo. O México foi um time frouxo. Não grita, não vibra, apenas toca a bola.  Sem sal, sem açucar, sem nada. Mas tem qualidade.

Só não vou dizer que o resultado foi justo porque o penalti não marcado na Africa foi claro. O que mudaria muito o jogo, pois 2×0 facilita bem pra qualquer time aos 25 do segundo tempo, convenhamos.

Gostei da abertura. Se não pela qualidade técnica do jogo, pela dramaticidade da partida.

França e Uruguai jogam logo mais. E se der empate, o mais equilibrado dos grupos se torna o mais dramático deles.

A África pode sonhar. É um time guerreiro, motivado. O México, pelo time, idem. Pela postura, nem pensar.

Jogar Copa como se fosse amistoso não costuma dar certo.

[poll id=”84″]

abs,
RicaPerrone

Comentários