FutebolSeleção Brasileira

A regra é clara?

Ontem, no jogo do Brasil, me surgiu uma dúvida de arbitragem que até agora ninguém me deu uma resposta objetiva. Aliás, é o tipo do lance que deixa a regra menos clara e mais interpretativa.

Lembra do gol anulado do Robinho? Então, vamos supor uma segunda situação…

O Daniel Alves, quando briga pela bola e toca nela pela última vez, tem o Robinho impedido a sua frente. Ok.

Mas, vamos supor que o Daniel toque uma segunda vez na bola, só que nesta o Robinho não está mais impedido. Porém, ainda vindo na direção da bola.

O que valeria? Afinal, em momento algum o Daniel PASSA a bola pro Robinho.

Vale o último toque? Vale a situação que ele tirou proveito?

Afinal, ele tirou proveito?

Neste vídeo, aos 6:45, o lance.

[poll id=”34″]

abs,
RicaPerrone

Rica Perrone

Rica Perrone é jornalista, escritor, empresário, blogueiro, youtuber, radialista e craque no Fifa. Odeia os pontos corridos, não chama time europeu de "meu" e acha que futebol é entretenimento. Quer mais?  Tá tudo aqui, ó! 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios