Home » Futebol » Clubes » São Paulo » A polêmica errada

A polêmica errada

.jpg_95Achei também bastante, digamos….”estranha” a decisão do Rogério Ceni em tentar um “erro a favor” do SPFC nos penaltis. Não é de seu perfil, mas enfim, entendo o “desespero” de ser talvez seu último paulistão e que tomar um gol do rival e ser eliminado não seja a melhor imagem que ele queira guardar.

O que me causa algum espanto é o quanto se discute o indiscutível adiantamento do goleiro e o quanto se ignora o maior e mais bizarro erro de todos.

Quem, com pelo menos 6 meses de futebol, colocaria o mais desequilibrado jogador do elenco para bater o pênalti decisivo?

Acho que ninguém levantou a mão.

Mas o SPFC teve um treinador capaz de olhar pro grupo, apontar o dedo e dizer:  “Vai você” para o mais despreparado jogador de todo elenco para uma decisão.

Luis Fabiano voltou ao SPFC há algum tempo já. Desde então confirmou em todas as vezes que precisou sua fama de pipoqueiro e desequilibrado.

Sob qual argumento este sujeito é eleito para carregar nas costas o mais importante pênalti de uma decisão?

Depois de sumir contra o Coxa na Copa do Brasil, de ser expulso na semi do Paulista de 2012, ficar suspenso em 4 jogos da Libertadores 2013, ser expulso na final da Sulamericana e não ter feito sequer um gol importante em toda campanha, que diabos de critério ainda é usado para que seu nome seja gritado como um legítimo ídolo naquele Morumbi lotado?

São gols e mais gols pra cima de Mogi, Penapolense ou até rivais da cidade desde que em fase de grupos ou pontos corridos. Luis Fabiano é um pipoqueiro há 32 anos.

Há quem queira esperar para ver se num surto qualquer possa dizer: “Tá vendo?!”, como se isso apagasse o enorme histórico de fracassos do jogador.

Um deles parece ser Ney Franco.  Que se pensou em “tudo ou nada” para erguer a moral do atacante, saiu como quase sempre: Sem nada.

abs,
RicaPerrone

Comentários