Home » Futebol » Clubes » Flamengo » A fórmula mágica

A fórmula mágica

Virou mania nacional. Time chega no G4, entra na briga e pára de jogar bola. Começa a querer “não perder” e esquece de ganhar. As vezes, acha gols e vence. Outras, não. Hoje, venceu quem tinha que vencer. O SPFC, que disputa título, não pode ir pro campo jogar o que vem jogando ha algumas rodadas. O tesão parece que acabou.

Enquanto isso, do outro lado, um desfalcado Flamengo buscou o tempo todo, foi pra cima, tentou e brigou pela vitória. Tanto que Rogério Ceni fez sua melhor partida no ano. E se bobear, nos últimos 2 anos.

Sem Adriano, o Flamengo cria mas não consegue concluir. O SPFC fez 1×0 num lance achado e simplesmente parou e assistiu o jogo. Ficou olhando o Flamengo jogar, tirando a bola da defesa e rezando pra um gol cair do céu. A là Muricy. E isso eu nunca vou achar bonito…

O Flamengo teve vontade, ousadia e um craque. O SPFC teve a sorte de achar um gol e uma tremenda incompetencia durante 90 minutos, onde não vibrou e não tentou jogar bola. Mereceu perder, e é bom acordar, porque não tem Diego Souza e Vagner Love pra salvar a pátria no Morumbi.

Falando em salvador da pátria… o que é o Petkovic? 37 anos, o sujeito desfila em campo e resolve partidas como as de hoje. Craque, com C maiusculo.

Aliás, Petkovic é melhor que o Kaká. rs

Sobre o penalti, achei que foi. A regra diz que tem que voltar, ok. Eu não voltaria, acho o primeiro passo natural. Mas… o bandeira quis, então não dá pra chorar muito, já que é regra. Mas eu não voltaria por um passo.

E a segunda cobrança do Pet é falta de educação.

Em resumo: O SPFC fez uma partida mediocre, e mereceu perder. O Flamengo lutou muito, jogou melhor e mereceu vencer.

Ponto final.

O Fla vai pra Libertadores. Hoje, joga o suficiente pra isso.

abs,
RicaPerrone

Comentários