Home » Futebol » Clubes » Fluminense » Viu? Era o Flu…

Viu? Era o Flu…

Em 2010 muitos brigaram comigo até a morte pra dizer que o Flu só era protagonista por causa do Muricy. Eu dizia que não, afinal desde 2007 o clube tinha uma sequência bem aceitável de campanhas que o credenciavam a ser um dos favoritos.

Mais do que isso: Tinha time pra ser campeão. Mas, sabe como é, o queridão sempre leva a fama. E o Flu, de ratos, foi “salvo” pelo mestre Muricy. Mentira!

O finalista da Sulamericana e Libertadores não tinha Muricy. O campeão da Copa do Brasil idem, nem o da reação de 2009, nem os outros de boas campanhas no Brasileirão. A subida do Tricolor era mérito do clube, já que os técnicos mudaram e os feitos não pararam de surgir.

O imponderável Fluzão das causas impossíveis precisava da cereja do bolo. Muricy foi, sem dúvida, importante ao dar sua dose de pragmatismo e futebol de resultado ao time.

Mas nunca foi o motivo do clube ter reagido, como pintaram.

A 5 rodadas do fim, o Flu disputa o título sem Conca e, pasmem, sem Muricy!

Pasmem ainda mais, pois o time joga um futebol, faltando 5 rodadas, bem melhor do que o do final de 2010.

Mas Abel não será exaltado, não faz marketing pra isso, é bom sujeito, não causa pauta toda coletiva.

Você dirá que “o Muricy é tetracampeão, poxa!”. E eu direi que o Abel é campeão da Libertadores e do mundo.

Comparando? Não. O Muricy tem mais resultados, o Abel ainda mantém sua “péssima” mania de tentar ganhar jogando bola.

Com grife, sem grife, com esse ou aquele, tá claro.

Não era este ou aquele que fez o favor de tirar o Fluzão do buraco e levá-lo a glória.

Foi o Fluminense que conquistou tudo isso.

Com eles, sem eles.

A maré alta continua. Sem ratos.

abs,
RicaPerrone