Home » Futebol » Campeonatos » Copa do Mundo » Vai dar tudo certo

Vai dar tudo certo

Caro amigo visitante, seja você do país que for, eu em nome de muitos – não de todos – quero te deixar mais calmo.

A mídia está passando com terrorismo a idéia de que o Brasil está em guerra contra a Copa. Não é verdade, é apenas uma matéria sensacionalista pra chamar sua atenção.

Você não está em risco, ninguém aqui te odeia por você vir nos visitar, ao contrário, recebemos como ninguém.

Pode chegar.

Tem uma dúzia de pessoas, como em todo lugar, que não sabe separar as coisas e que quer descontar em você, turista, o fato de não sabermos votar e de só nos darmos conta que vamos ter um filho no dia do parto, não no dia do sexo.

Não julgue o brasileiro por uma % insignificante e barulhenta. Nós estamos insatisfeitos com o governo, com nossos problemas há mais de 500 anos. Mas a Copa foi eleita a “vilã” das coisas e muito ignorante abraçou.

Saibam que investimos cerca de 25 bilhões na Copa, sendo 8 em estádios, uma boa parte disso como empréstimo e portanto será devolvido. O restante em coisas estruturais que, em tese, atingem a todos não apenas a quem vai jogar uma partida de futebol.

Pois bem, algumas pessoas gritam, pilhadas e desinformadas por terceiros de intenções duvidosas, que este gasto estaria prejudicando a condição social dos nossos brasileiros.

Tolos. Eles não procuraram pra saber que de 2010 pra cá, por exemplo, enquanto gastávamos 25 bilhões em Copa, gastamos 825 bilhões em saúde e educação.

Está ruim? É claro. Mas aqui ainda não notaram que o problema é o que fazem com os 825 e não a falta que vão fazer os 25 da Copa.

Eles acham que o problema é a falta de dinheiro, não a má utilização dele.

Compraram uma briga justa, pelo motivo errado, usando os meios mais absurdos. Perderam para eles mesmos quando tiveram a maioria ao seu lado, pois não conseguiram encontrar um pedido claro e um rumo.

As manifestações acabaram. Hoje tem uma turma de minoria violenta quebrando tudo pra chamar sua atenção e te causar medo. Tentando te dizer que sua Copa é culpada pelos problemas do país, isentando os nossos eleitores do que fazemos a cada 4 anos sem contestar o destino dos 825 bilhões, por exemplo.

Os 25 vão causar gritos de gol, e isso incomoda algumas pessoas que não suportam a idéia de se cobrar melhorias sendo feliz ao mesmo tempo.

Vem pra cá. Nós adoramos recebe-los e mostrar nosso futebol, nosso samba, nossas praias. Como vocês, como todos, mostramos o que temos de bom. Se você quiser saber o que tem de ruim, também temos, mas sabemos não ser culpa de vocês.

Temos problemas estruturais, mas se você não souber como resolver, pergunte. Em lugar nenhum do mundo você será tão bem tratado para encontrar uma resposta quanto aqui.

Nossa gente é complexada, cheia de defeitos, mas é uma gente muito boa. Não julgamos por raça, religião, nada disso. Tratamos todos iguais, com raras exceções que vocês também conhecem em seu país.

Idiotas tem em todo lugar. Não é uma exclusividade nossa. Aliás, pouca coisa que nos envergonhamos é exclusividade nossa. Mas para nós, parece ser.

Lamento muito pelos problemas que podemos ter ao recebe-los, mas tenho alguma convicção que vai dar tudo certo. Sempre deu.

Fazemos fora do prazo, mas fazemos. Aos trancos e barrancos, de forma pouco organizada, abrindo espaço para sermos roubados, mas no final, fazemos.

Venham tranquilos. O povo brasileiro não é contra a Copa, muito menos contra vocês. Uma minoria barulhenta que não sabe separar as coisas, sim. Mas estes, tenham certeza, serão sufocados pela gigantesca maioria que ou não concorda ou não acha justo prejudicar sua viagem por problemas nossos.

Mas por favor, caro turista. Não sinta pena de nós. Vivemos colhendo o que plantamos e não somos dignos de pena. Somos, talvez, dignos de uma perplexidade por não sermos a potência que deveríamos.

Mas pena, não. Jamais.

Sejam bem vindos. Nós adoramos futebol, receber amigos e sorrir pra eles. Não será diferente.

#VaiterCopa #umaGrandeCopa

abs,
RicaPerrone

—————————-

Versão em inglês traduzida por André Fran.

It’s gonna be all right!

 

Dear Tourist friend, from whatever country you may be, I, in the name of many like me (although not everyone), would like to make you feel more at ease.

The media in Brazil is doing what we could call a terrorist job. Saying that Brazil is at war against the World Cup. That’s not true. That’s just alarmist news to sell papers and draw attention.

You’re not at risk. Nobody here hates you because you decided to visit us. It’s actually quite the contrary: we love to be hosts! And we are very good at that.

You can come to Brazil!

There’s half a dozen people, like everywhere else, that don’t know how to separate things and is focusing on other people the fact that we not very good at electing some people and that we just realize the problem when it’s already too late. Brazilians realize they are having a baby only at the day of birth not when we are having sex.

Don’t judge Brazil by an insignificant and noisy minority that shouts against the World Cup. We are not pleased with our government and our problems for more than 500 years. But the Cup was named today’s villain and some stupid people bought that.

We invested around 25 billion in the World Cup, 8 billion in stadiums, a big part of that was from government loans that will be payed back. The rest was in infrastructure things  that benefit all not just those that like football.

Some people shout passionately and uninformed, motivated by people wit other interests at hand, that this money is hurting Brazilians as a whole.

Fools. They didn’t even try to look into the matter and see that while Brazil spent 25 billion in the World Cup we also spent 825 billion in health and education.

Is the situation bad? Yes, of course. But the problem is more what they do with this 825 billion and less what they do with the 25 billion for the World Cup.

They think the problem is the lack of money, e not the bad administration of it.

 

 

They got in a fair fight, but for the wrong reasons. And using the worst means they could. They lost to themselves when they had the majority of the people on their side but couldn’t define a clear focus for their demands.

The protests that crowded the streets in Brazil last year have ended. Today, a minority of violent people is just willing to make a fuss and draw attention. They say that the World Cup is the reason of our problems. They forget to blame us, the people who vote, for what we do every 4 years. Wich includes not questioning what they do with those 825 billion, for example.

Those 25 million are gonna be responsible for screams of Goal! And that bothers people that don’t support the idea that we can be happy and critic of our government at the same time.

Come to Brazil! We will love to host and show you our football, our samba, our beaches. If you want to see the bad sides of Brazil, we can also show you. But we know that it’s not your fault.

We have some structural problems, but you have any trouble don’t be afraid to ask. We’d love to help. Nowhere in the world you’ll find such a happy to help people like in Brazil.

Our people have complexes, some flaws, but we are good people. We don’t judge people by race, religion, nothing like that. We treat everyone like equals. With the few sorry excepetions, like you probably have in your country.

There are idiots everywhere. That’s not something exclusive of Brazil. By the way, few things that we are ashamed of happen in other countries too. But we seem to think it happens only in Brazil.

I’m sorry for the inconveniences we may have while welcoming you to our country. But I’m pretty sure everything is going to be all right. It always does.

We may do it a little late, but we do it. We may do it in a disorganized fashion, allowing others to take advantage of us and our money, but in the end we make it happen.

You can come with open hearts. Brazilians are not against the World Cup. We are not against tourists or tourism. This minority that doesn’t know how to separate things may be loud but they will be silenced by the majority that doesn’t think it’s fair to disturb your trip because of our problems that only concerns ourselves.

But please, dear tourist, don’t feel sorry for us. We reap what we saw. Although we may astonish you with our undeveloped potential, we don’t deserve your pitty.

Welcome! We love football, we love making friends, and we love smiling with them. And this time it won’t be different.

There will be a World Cup! And it’s gonna be great!

Best regards,
RicaPerrone

Comentários