Home » + Chamada » Únicos

Únicos

Torcida, futebol, time em campo, vontade de ganhar. Um único time teve tudo isso no sábado no Morumbi.  Enquanto o Corinthians foi a campo para ver o que dava pra fazer, o São Paulo entrou pra fazer a última coisa que poderia tirar um sorriso do seu torcedor no ano: vencer o rival.

E naquele melancólico cenário que impede uma das partes de se fazer presente, deu o “favorito”.

Ora, mas favorito em clássico, Rica?! Sim, clássico em casa sem torcida adversária nem clássico é. Quanto mais sem favorito.

Confirmando não apenas o favoritismo como também o poder de jogar bem mais do que vem sendo apresentado, o Tricolor fez 90 minutos que confundem.  Você não sabe exatamente o que foi uma grande atuação e quanto disso foi uma atuação desastrosa do Corinthians.

Mas foram! As duas coisas em doses a se ponderar.

O pênalti chorado, após replays, mudei de idéia e vi que de fato não houve.  Mas discute-se o pênalti, discute o que quiser. Só não discuta um 4×0. É indiscutível.

2016 termina triste para os dois times. Em crise, com jogadores comuns, um futebol fraco e irregular, transitando na zona morta do Brasileirão.  Quem diria?

O semifinalista da Libertadores e o atual campeão brasileiro, juntos, fazendo figuração.

Mas até entre figurantes dá pra ser protagonista.  E este foi o São Paulo.

abs,
RicaPerrone

Comentários