Home » Diversos » Uma carta pra mim mesmo

Uma carta pra mim mesmo

Caro Ricardo,

Tudo bem?! Aqui quem fala é o Rica Perrone, você mesmo daqui 20 anos. Talvez você desconfie, então eu quero te dizer que sei do dia que você se cagou todo no parque quando tinha 7 anos. Pronto, agora você sabe que sou eu.

Inicialmente, para evitar pânico, quero informar que está tudo bem. De maneira geral o que você queria deu certo. Sua teimosia valeu a pena, e você faz o que gosta e é um cara feliz. Relaxa!

Quero só te dar alguns conselhos para que eu me sinta ainda melhor nesta data.

Aproveite seus avós. Eles não estarão mais aqui em 2014. Vá até a feira e coma pastel com ele todo sábado, mesmo que você tenha sono pela manhã.

Ache graça nas implicâncias da sua vó. Ela é divertida, você vai sentir falta dela.

Não discuta tanto com seus pais. Eles não estão certos sempre, mas estão sempre tentando acertar. Você vai entender em breve.

Eu mandei você não discutir. Não necessariamente ouvi-los.

Não gaste tanto tempo ouvindo criticas. Não ouça muitos conselhos. Faça o que você acredita e não tenha medo de errar. Você vai errar. Sempre.

Compre dólares. Vá pra Disney o quanto antes. Não seja um cara pessimista, nem realista. Seja feliz. E só.

Adote um cachorro. Hoje!

Faça um blog assim que existir essa plataforma.

Não confie em promessas de políticos. Eles continuam falando a mesma coisa. As coisas até melhoraram, mas não encontramos ainda em quem confiar.

Não acredite no Brasil. E nunca, nem sob tortura, aperte 13 numa urna. Embora você já tenha idade pra saber disso, é bom reforçar.

Registre os sites facebook.com e twitter.com.

Se envolva menos com o São Paulo. Ame-o de longe, ou vai perder boa parte de sua paixão.

A Mocidade será campeã em 1996. Esteja lá. Volte em 2002, pois o desfile será delicioso. Não assista a apuração em 2009.

Não se sinta mal por amar mais o futebol do que seu time. Isso lhe será muito útil já, já.

Pare de fumar. E não deixe a balança passar dos 100 quilos. Quando você começar a ganhar um dinheiro, entenda que a churrascaria não vai sair de lá. Pode ir uma vez a cada 15 dias e não 3 vezes por semana.

Aprenda a fazer churrasco desde já. Viaje mais! E toda vez que houver um momento ruim, tenha absoluta convicção de que você vai sair bem disso.

Não se case tão cedo. Faça a fisioterapia nesse tornozelo até o final. Odeie os pontos corridos. Você está errado. É uma merda.

O São Paulo será campeão do mundo em 2005. Tenha dinheiro pra ir ao Japão.

Vá a todos os desfiles na Sapucaí que puder. E os que não puder, também.

Não vá mais ao estádio com torcida organizada. Compre uma perpétua no Maracanã. Aliás, quando puder, se mude pro Rio.

Quando alguém te disser que você deve ser um cara que você não é, bata o pé e não mude. Nem tente mudar.

Não jogue o seu pager na parede. Nunca destrua um telefone celular pela derrota do seu time. Não soque a parede do estádio, o Raí perderá 2 pênaltis no mesmo jogo quer queira, quer não.

Tome menos cafeína. Não raspe o cabelo com gilete. E não, o Barrichello não substituirá o Senna. Aliás, sequer o Gugelmin.

Mesmo campeão do mundo, o Parreira é péssimo! Não aplauda-o! Faça isso com o Telê, que mesmo não conseguindo mais arrumar esse time, é quem merece ser aplaudido.

O Sierra não vai substituir o Raí.

Na final da Copa do Brasil de 2000, vá dormir mais cedo. E na final da Copa de 2002, sequer durma.

Quando seu cachorro tiver câncer com 3 anos de idade, cuide dele e fique tranquilo. Ele vai sobreviver e ficar ótimo. Não chore tanto por isso.

Não jogue um apagador num cara loiro no primeiro dia de aula no Objetivo. Ele é professor.

Faça estoque de caramelos da Nestle! Milhares! Eles vão acabar.

Não seja tão honesto com as mulheres. Elas se magoam com a verdade e te odeiam se você mentir. Faça um pouco dos dois.

Priorize os amigos. Aprenda a comer peixe. Jogue 10 – 27 – 40 – 46 – 49 -58 na Mega Sena da virada de 2009.

Não assista ESPN. Duvide de todos os jornais e revistas que você conhece. Não leve o jornalismo como ideal.

Quando uma jornalista bonita, meiga e sãopaulina estiver na sua vida, case-se. É ela.

Ano passado aí, em 94, a Argentina foi campeã. E foi a última vez que aconteceu até aqui.

E principalmente: não vá ao Mineirão em julho de 2014.  Por favor, me prometa isso!

Boa sorte.

Ass: Nós

Comentários