Home » Futebol » Campeonatos » Brasileirão » Acabou!

Acabou!

Não há mais nada a temer. O Cruzeiro conquistou nesta quinta-feira o campeonato brasileiro de 2014. E o que falta é mera formalidade, pois para conseguir perdê-lo teria que não mais pontuar e o São Paulo vencer os seus 3 jogos. O próximo do Cruzeiro é em casa, contra um time de férias.

O Grêmio fez uso do que podia para tentar vencer o líder e conseguiu por 45 minutos. Quando voltou, parece ter sido sufocado por um Cruzeiro que até então não havia entrado em campo.

Tomou o gol de empate em 20 minutos. E a partir de então, após ter nos pés de Barcos a bola do jogo, se atirou pra frente como quem joga os acréscimos de uma derrota.

Como alguém empatando, ainda com 15 ou 20 minutos pela frente, toma um contra-ataque de 5 contra 3? E pior: contra o Cruzeiro!

Falha grotesca somada ao mérito inegável de um time que sabe jogar por todos, que despreza “o cara” e que é capaz de definir uma partida em dois lances.

O Cruzeiro é, de novo, pela terceira vez, um campeão que não se discute.

Coisa rara.  Pra eles, rotina.

O Goiás é o maior voyeur do país. Viu o Corinthians campeão em 2005, o SPFC em 2008, agora vai assistir o Cruzeiro fazer festa de dentro do gramado.

Esse jogo eu achei que o Cruzeiro não ganharia. Pela apatia que atuou na final, pela mesma apatia que entrou em campo neste domingo. Mas reverteu a tempo de confirmar sua ótima temporada.

Ainda que o jogo mais importante dela seja no dia 26. Assuma ou não o feliz cruzeirense que hoje “nem se importa” com a Copa do Brasil. Mas que se ganhar, nem se importará com o Brasileirão.

abs,
RicaPerrone

Comentários