Home » Futebol » Trem-bala tem placa?

Trem-bala tem placa?

O Grêmio não jogou mal, acredite.  Fez um primeiro tempo de bom nível, não cometeu nenhum erro grotesco pra chegar a estar perdendo de 2×0.  O problema é do outro lado tinha um time que, além de ser hoje melhor que o Grêmio, estava inspiradíssimo.  E assim, com 45 minutos de alto nível de ambas as partes e mais 45 pra confirmar o atropelamento da primeira etapa, o Vasco se tornou líder do Brasileirão. Pelo menos até amanhã…

Diego Souza e Rômulo em tarde de gala. Fizeram tudo que pensaram em fazer, sem errar quase nada.

Casa cheia, motivação sobrando, Grêmio em alta, Vasco brigando pela liderança e o professor Ricardo, dizem, vendo pela TV no hospital.

Se viu, sabe o quanto deixou este time bem montado e o quanto ele está sendo bem cuidado.

Se não viu, saberá do placar. E o placar, contra um time do tamanho do Grêmio, diz alguma coisa.

A real candidatura do Vasco ao título não é mais discutível, sequer pode gerar desconfiança.

Hoje, quando precisou, com casa cheia e a “obrigação” de não ser uma “falsa ameaça” ao título, sobrou.

O Grêmio, que não deve se desesperar pelo placar de hoje, fez 45 minutos bons. E mostrou, de novo, condições de evoluir.

Acontece que tem dia que o adversário é muito melhor que você. E só.

Sem caça as bruxas, sem teorias estapafúrdias e sem muita firula.

O Grêmio fez um bom primeiro tempo, a diferença é que o Vasco fez um jogo de “campeão brasileiro”.

Não significa que será. Mas significa, de novo, que pode ser.

abs,
RicaPerrone