Home » Tag Archives: Classico

Tag Archives: Classico

Nunca haverá “favorito”

Eu entendo que o termo “favorito” não indique um vencedor. Apenas um time que esteja naquele momento melhor para o jogo. O que nunca significou muita coisa, em clássicos, vai a “nada”. Eu não assisti nem dez Palmeiras x Corinthians onde o “favorito” deita e rola.  É mais raro do que o não favorito vencer, aposto. E a semana toda foram …

Read More »

Alguém vai ter que fazer

Eu não sei se é claro pra vocês quanto é pra mim que o futebol brasileiro começa a pedir união, profissionalismo e liberdade.  Sei que o que CAP e Coxa fizeram ontem foi um passo importante, mas que não me convence pela estrutura. Explico. Coxa e CAP são rivais. E a Federação, a tv, seja lá mais quem for, sabe …

Read More »

Malandro é malandro…

E você, feliz, é mané. Mané porque é bobo, ufanista, Pacheco, vive de pão e circo e não enxerga a realidade. Ou pior, não quer enxergar. Malandro sou eu, com meu ar soberbo de quem vê mais do que você.  De quem não se vende às migalhas da utopia olímpica e de quem não vai passar o sábado vestido de …

Read More »

Como tem que ser

Se você me pedir a fórmula de um grande clássico eu citaria boa parte do jogo desta noite como “receita”. Do empurra empurra a polêmica não expulsão. Da burra cotovelada ao beliscão nos mamilos.  Dos gols perdidos, dos gols marcados e por quem foram marcados. Clássico que é clássico não tem mandante. Clássico que é clássico tem empurra-empurra e pontapés. …

Read More »

Quando a regra não é clara

Eu não quero levar a partida para a arbitragem, se é isso que o título lhe sugere.  Sobre os pênaltis, discutíveis, eu não daria nenhum deles. Mas a regra que realmente quero discutir é outra. Gabriel tem 19 anos.  Esse menino joga sua primeira grande decisão como protagonista titular de um grande clube ao vivo para todo país. Aos 5 …

Read More »

Aha, uhu, o Maraca é rosa!

Senhores, haja viadagem. E não preciso explicar que a “viadagem” é um termo que remete a frescuras, firulas, não a orientação sexual. Preciso?  Não. E se precisar, foda-se. A “guerra” estimula violência.  O “matador” é um termo ruim pro atacante. A comemoração zoando a torcida adversária gera punição. Abraçando a sua, também. Bandeiras não pode. Cerveja, nem pensar.  O menino …

Read More »

Irretocável

Um Grenal me parece sempre algo que não posso compreender por completo. Algo que diz respeito apenas aos envolvidos e que qualquer tentativa externa de dimensioná-lo é em vão. Pois eu diria que se um tricolor pudesse escolher como seria o Grenal de hoje não teria feito tão bem quanto os fatos. Caiu um tabu, devolveram a goleada, tiraram o rival …

Read More »