Home » + Chamada » Tá tudo bem

Tá tudo bem

Rubro-negro, eu sei que é difícil de te convencer disso porque a megalomania quando confrontada gera na mesma medida o destempero do pessimismo. Mas, eu preciso te dizer: tá tudo bem.

Eu sei que pra você não golear é um absurdo, perder então é caso pra demitir todos aqueles incompetentes que comandam, os 11 mancos que jogam e o treinador cego que os coordena.  Mas hoje, só hoje, me ouve um bocadinho.

O Flamengo foi jogar lá contra um time que, em casa, é favorito. Não porque o seu Mengão diminuiu, se acalma. Mas porque em casa time grande é favorito sempre. E eles são grandes no Chile.

Vocês fizeram uma opção tática diferente e FUNCIONOU! O Flamengo controlou o primeiro tempo, podia ter ganhado o jogo, foi pouco ameaçado. É isso que se espera de um time em campo. Ela entrar ou não, faz parte.  Mas o plano de jogo funcionou.

Perdeu numa bola parada, onde o autor do gol subiu pra cacete, diga-se. Parem de caçar bruxas, achar vilões, querer mudar o mundo e repensar o treinador a cada jogo. Tá tudo bem.

Tá bem na Libertadores, tem saldo de gols, ganhou em casa. Foi invicto até o final da Guabanara, o time joga um bom futebol, tá tudo em dia, reforço pra estrear… Tá tudo bem!

Faltam 4 jogos. Não tem nenhuma conta a ser feita.

Não sei se alguns de vocês leram o que escrevi sobre o Botafogo ontem aqui. Mas se não leram, vou resumir um trecho onde digo que eles estão jogando a Libertadores com fraquezas técnicas claras mas com a postura perfeita de quem não cobra, só empurra.

Libertadores se ganha perdendo lá, ganhando aqui, empurrando até jogador ruim e entendendo que quem ganha todos os jogos é o Bayern, o Barcelona, o Real Madrid. Aqui na América há equilíbrio. O que faz da Libertadores tão especial é o fato dela ser difícil pra cacete. Se fosse fácil tu tinha 4 e não viveria daquela até hoje.

Acredita. Tá tudo bem.

abs,
RicaPerrone