Home » Futebol » Seleção » Silêncio

Silêncio

Ouça. É o silêncio das cornetas mais cruéis do país. A seleção brasileira joga, hoje, o melhor futebol do mundo entre seleções.  E ninguém fala mais nada…

Quando jogava mal e buscava o caminho, pareciamos falar de um time sem perspectiva, sem jogadores, sem liderança, sem futuro algum.  Então, o “retrocesso” que foi escolher Felipão começou a funcionar. E o tal “passo atrás” que muitos entendiam ser um absurdo foi um sucesso.

O time joga bola como brasileiros, corre como europeus, ganha como sempre ganhamos.

E ninguém mais fala da seleção.

Se estivesse perdendo seria notícia todos os dias, pauta nas mesas azedas e redondas por aí. Mas não. Agora, de novo, somos os melhores.

E então,  silêncio.

Somos os favoritos, o que hoje o mundo todo exalta e coloca como “a melhor”.  Mas isso não é importante destacar, pois é a mesma seleção que é “da CBF” quando perde, logo, agora ficou ruim de exaltar.

O “time do Marin” que perdia, virou “seleção brasileira” de novo.  No mais mediocre e barato oportunismo editorial que existe neste meio.

A seleção ganhou a Copa das Confederações, todos os amistosos e o povo.

Só não ganhará da amargura de ser eternamente um anti-qualquer merda que alguns tem como filosofia de vida.

abs,
RicaPerrone

Comentários