Home » Futebol » Repensando teorias

Repensando teorias

matatorcidaSempre, desde bem antes de sugerirem por aqui, eu já defendia o campeonato brasileiro por pontos corridos. Me parecia mais “justo”, interessante, igual do mundo todo, etc.

Passados alguns anos eu acho que o saldo é bacana. Mas… não sei explicar, falta um tempero nosso. Parece uma tentativa de copiar algo que não é aquilo que gostamos. 

Sejamos francos, claros e diretos: Brasileiro não gosta de futebol porra nenhuma. Gosta do time dele, o que é uma baita burrice, mas… foi assim que a mídia fez por aqui. Tanto não gosta que a Globo precisa meter um filme numa praça sem jogo local porque se colocar uma semifinal de Libertadores, não dá ibope. Absurdo, mas é fato, Infelizmente. 

Agora vendo as decisões da Copa do Brasil eu fico pensando… sinceramente: Eu tinha razão? 

Será que a gente precisa mesmo ter um campeonato igual o Europeu sendo que a cultura do brasileiro no futebol é curtir a eliminação, o mata-mata, aquela semana de decisão? 

Eu vejo, em maio, as torcidas de Fla, Inter, Corinthians, Fluminense e Vasco mais euforicas do que a do SPFC ficou com o tri, por exemplo.  A expectativa de ganhar algo em cima do rival é 200 vezes maior do que ganhar em cima de um time X, que paralelamente te dá o titulo, ou algo assim.

Casa cheia, euforia, mídia, craque resolvendo, craque pipocando, nego tirando sarro, nego chorando no estádio, aquela virada no finalzinho, enfim… só tem no Mata-mata, não adianta. 

Estou revendo conceitos… 

Talvez a gente possa achar uma forma de dar uma baita vantagem a quem se classifica na frente, para valorizar a primeira fase.

Mas os últimos 6 meses do ano não terem a emoção de um mata-mata, um jogo entre 2 grandes que elimina um, sei la…

Pode ser justo. Mas não é nossa cara.

E o futebol nunca precisou ser justo pra ser fantástico.

abs,
RicaPerrone