Home » Futebol » Clubes » Flamengo » Religião

Religião

Eles tem crenças, santos e rituais. São fanáticos, fiéis e pouco se importam com as dúvidas que a lógica os confronta.

Ciência não serve pra eles. Números são detalhes, e o importante é a fé.

Domingo é dia de ir ao templo mostrar devoção. Segunda, dia de exaltar sua paixão pelas ruas usando o manto sagrado para um deboche silencioso de quem se faz maioria todo santo dia.

Religiões explicam a origem do universo. Para eles, num simples aperto de mão em 15/11/1895 o mundo passou a existir.

Devotos de vários santos, tem sua fé atrelada a um só “Deus”.

Única religião do mundo cujo Deus é como todos os fiéis: “mortal”.

Seus Santos são tantos que nem mesmo exigem nacionalidade semelhante. Há um santos sérvio entre os adorados.

A “roupa de missa” muda todo ano. E eles compram, mesmo que esteja mais cara do que o possível. Pra eles, donos da maior fé do mundo, nada é impossível.

Religiões carregam multidões. Esta, num raro caso sem explicação, é carregada pela multidão.

Dos mais puros sentimentos que há na Terra, o amor incondicional não é exclusividade dos caninos por causa do tal futebol. E nele, aqui, a maior demonstração de fé e paixão que há se chama Flamengo.

A maioria não pode estar errada. Há um algo a mais ali. Naqueles cultos abertos ao público e até a religiões alheias, algo os move para que cantem tão alto e se façam sempre mais presentes que os demais.

Insuportável Flamengo e seus fiéis. Nos convencendo dia após dia de suas crenças mais sem sentido através de discursos intermináveis e convincentes.

Religião não se discute. Deus existe pra ser adorado e não contestado.

Que Zico os abençoe.

Amem.

abs,
RicaPerrone

Comentários