Home » Futebol » Campeonatos » Copa do Mundo » Quem são eles? (Grupo A)

Quem são eles? (Grupo A)

Talvez o grupo mais equilibrado da Copa, o Grupo A tem África do Sul, donos da casa, Uruguai, bicampeão do mundo, México, que melhora a cada ano, e a França, campeã em 98 e vice na última Copa.

Imprevisível, com um favoritismo aos franceses.

Se fosse pra apostar, cravaria França e México, pois o Uruguai já mostrou que quando precisa vencer, normalmente, se complica. Vide partida contra a Argentina nas eliminatórias.

Quem são eles?

África do Sul

Ao contrário da maioria das seleções africanas, a África do Sul não tem estrelas européias em seu plantel. Seu principal jogador foi cortado por Parreira em virtude do peso. Soa até incoerente pra quem levou o que levou em 2006. Mas, sendo o Parreira, sendo os donos da casa, não tendo nenhum grande jogador no elenco e contando apenas com o apoio da torcida, se mantém como zebra.

Pode passar de fase pela força de jogar em casa. Mas se conseguir já terá atingido seu limite. Dificilmente fará algo grandioso na Copa. Não é uma daquelas seleções africanas que surpreendem pelo potencial técnico que tem. Esta, até pelo treinador, se surpreender é pela vontade e pela retranca. O que eu duvido muito.

Uruguai

Decadente como a maioria das seleções sulamericanas, o Uruguai vai a Copa tentar resgatar uma tradição que anda sumida. Desde 70 não passa das oitavas, sendo que das últimas 8 Copas, não foi a 5 delas. Nesta, chegou pela repescagem.

O time tem uma defesa raçuda e um capitão que costuma motivar bastante. A base é européia, assim como o Brasil. Lugano, Forlan, Loco Abreu e Cáceres são os nomes mais conhecidos. Pode buscar uma vaga nas oitavas, pode até sonhar com uma campanha mais marcante. Mas não briga pelo título, por mais camisa que tenha.

França

Eis a grande seleção do grupo. Com Henry, Ribery, Malouda, Govou e Anelka, o time é forte no ataque e equilibrado na defesa. Isso, é claro, na teoria. Tem a sua base formada no próprio país, o que é raro hoje em dia.  Se fosse pra indicar alguém pra ficar de olho, indicaria o Ribery. Craque de bola. Pode resolver.

Chega pra brigar pelo título? Acho que o passado recente da França não permite outra interpretação. É uma das favoritas a Copa do Mundo.

México

Nas últimas 4 Copas, parou nas oitavas. Leva um time sem grandes estrelas internacionais. Talvez Rafa Marquez, do Barcelona, seja “o cara” do time. Não dá pra assustar muito, não briga pelo título, mas tem uma chance de passar de fase pelo crescimento do futebol local nos últimos anos.

Tem o Giovani, jovem que chegou a ser indicado como novo craque do Barcelona, mas não vingou ainda. Hoje, atua no Tottenham da Inglaterra, onde diga-se de passagem não tem feito grande coisa. É um time médio, mas que pode brigar com Uruguai e África do Sul pela vaga.

abs,
RicaPerrone