Home » Futebol » Clubes » Corinthians » Pesos e medidas

Pesos e medidas

Veja você como a imprensa é boazinha com o Tricolor do Morumbi. Sempre digo isso, enquanto a enorme maioria concorda, e os tricolores discordam, óbvio.  Mas veja como é fácil notar a diferença de tratamento.

Muricy fez semestres RIDICULOS no SPFC  por 3 anos. Todo mundo defendia a manutenção do cara. Ricardo Gomes é bizonho em 2010, e ninguém vai na TV dizer: ‘Eu demitiria”. Basta o Corinthians perder 2 campeonatos e lá estão diversos comentaristas assinando a demissão do Mano.

Mesmo Mano que em 6 anos como técnico de time grande ganhou 3 estaduais, uma copa do Brasil, 2 séries B. Foi finalista da Copa do Brasil, foi finalista da Libertadores e terceiro num Brasileirão. Este é o cara que agora quesionam sem dó.

E quando a mídia diz A, não tem jeito. A torcida pensa A. A opinião das pessoas é formada pelo que diz a mídia, e não existe torcedor no mundo capaz de ser diferente disso.

Você só sabe o que acontece pelo que lê e ouve. Logo, se te disserem tendenciosamente o que aconteceu, você terá a informação errada. E assim, forma a opinião errada.

Mano errou em 2010? Sim! Concordo com todos eles.

Deveria ter mantido um time e tentado entrosa-lo. Deveria ter abandonado a idéia de mexer nos 3 atacantes quando viu que o “Douglas de 2010”, o Tcheco, não vingaria. Não fez.

Mas, fez a melhor campanha da Libertadores. E por um gol, uma defesa do Bruno aos 46, um campo molhado no Rio ou seja lá pelo que for, não passou. E perdeu pro Flamengo, é bom lembrar.

Mas, aqui em SP o Flamengo é um time pequeno. Sim, qualquer time que não jogue em SP, aqui, é timeco. Então, é “anormal” ser eliminado pro Flamengo. Coisa de doente mental, desculpe, mas… é assim que muitos analisam a coisa.

Mano não teve 100% de culpa em 2009 pelo fraco Brasileirão. O time perdeu peças fundamentais e o seu fator desequilibrio se machucou o campeonato quase todo: Ronaldo.

E pra piorar, era quase lei no Corinthians que desde a vitória na Copa do Brasil o importante era a Libertadores. Burrice tremenda essa coisa de comemorar vaga e não titulo. Vaga em Libertadores vale menos do que titulo de Copa SP.

Porque VAGA não é nada. Titulo é. SE voce transformar a vaga em titulo, ok. Se não, como acontece em 95% dos casos pra qualquer clube, ela se torna uma mera vaga. E jamais uma vaga pode valer mais do que um titulo.

A pressão pela Libertadores foi forte demais. Mano errou, acertou, mas não fugiu do pau.

É um sujeito competente, que até que se prove o contrário tem muito caráter e crédito.

Não merece ouvir essa meia-duzia pedir sua saida ou trata-lo como um técnico ruim e sem passado no clube. Muito menos a mídia, que devia torcer menos e analisar mais, fazer dos seus microfones um verdadeiro amplificador de corneta pessoal.

Acho Mano um grande treinador e teria total confiança no seu trabalho para o restante do ano.

Perder é do jogo. O Corinthians perdeu, só isso. Não houve vexame, não houve palhaçada, nada disso.

Apenas perdeu pra um time tão bom quanto o dele.

Acho que depois de 100 anos já deu pra aprender que no futebol alguém perde pra alguém ganhar, né? Ou ainda é tão surpreendente assim?

abs,
RicaPerrone