Home » + Chamada » Pagando por marginais

Pagando por marginais

boca_

Não vai mudar. É aqui, lá, em qualquer lugar. Toda aglomeração permite a ação de um imbecil.  O que não significa que seja impossível detê-lo.

Talvez seja impossível revistar 50 mil pessoas num intervalo de 2 horas. Mas talvez não seja necessário fazer isso quando souberem que, de fato, se cometerem um crime pagarão por ele.

Paga o Boca. Foda-se.

É isso.

Nada vai acontecer com quem cometeu o crime. Porque é mais fácil e mais impactante dizer que se combateu o crime punindo a “motivação” do criminoso. Ou, num argumento ainda mais pobre, dizer que “a segurança é responsabilidade do Boca”.

Ora, ou é do clube ou tem polícia nos jogos. Vamos chegar a um acordo. Uma coisa ou outra. E mesmo se for do Boca, ele tem que dar a justiça o bandido. Não se responsabilizar por ele.

O que também não muda minha vida. Se o Boca vai pagar 200 ou 2 milhões de multa, tanto faz. O que muda nossa vida é dizer pra sociedade inteira que quem cometer um crime será preso e responderá por ele. Não que o time do criminoso seja eliminado de um torneio.

A punição ao Boca não muda NADA no futebol e terá efeito ZERO em marginais desse tipo.

Agora, prende o cara que você vai ver se tem outro na rodada que  vem. E se tiver, prende o segundo.

Não haverá terceiro.

Mas enquanto tivermos a leitura e “torcida do” para identificar um criminoso, continuaremos sendo vítimas deles. Porque somos burros, hipocritas e covardes.

abs,
RicaPerrone

Comentários