Home » + Chamada » Opostos

Opostos

Assisti Inter x Fluminense. No meu ipad coloquei o Corinthians x Sport e no final das contas eu não podia ter feito escolha melhor. A aula mais didática do mundo da diferença entre times que treinam pra não perder e achar gols no individual e times que treinam o coletivo na frente e atrás.

Sport e Corinthians jogaram intensamente sabendo o tempo todo onde deveriam estar, o que fariam com a bola e como tentariam o gol.

Inter e Fluminense pegavam a bola, olhavam pra frente e procuravam alguém que pudesse resolver.

A diferença pro futebol que queremos do que alguns ainda jogam é muito simples. É um time treinado coletivamente para agredir e defender e que dentro disso a técnica desequilibre.

O Fluminense é um time fechado, onde ninguém troca de posição, todos esperam que algum dos medalhões resolva num lance individual. Não tem NADA ofensivo treinado.  Absolutamente NADA!

O 4231 mais irritante do mundo, que não muda nem a paulada, e um time com Cícero e Ronaldinho que não tem a bola no chão no meio campo.

O Inter, coitado, vem de uma paulada absurda! E jogando desorganizado fez o dele numa expulsão que facilitou. Justa, diga-se. O que não foi justo foi o Alex não ter sido expulso em seguida quando quase quebrou a perna do Pierre.

Enquanto isso, na Arena, Corinthians e Sport trocavam passes e construiam jogadas da defesa pro ataque. Um esporte diferente, uma evolução absurda do jogo de Porto Alegre.

Não vou ousar sair cagando regra de que é o Tite, é técnico gringo, etc. Até porque acho que o treinador do Sport não nasceu em Madrid. Mas enfim.

Bola no chão, jogo intenso, movimentação, ataques treinados. O coletivo definido.  Não é “dá no Diego Souza”. Ele é parte de um esquema e dentro dele faz diferença.  Não é o quanto o Elias ta em boa fase. Ele está em todos os lugares do campo e o time se defende e ataca com ele.

É incrivelmente superior o jogo de Sport e Corinthians do que apresentam Inter e Fluminense.  Mas a tabela computa 3 pontos, não dá notas por avaliação.  Assim sendo, haverá briga até o final neste equilibradíssimo Brasileirão.

Nos placares. Porque em campo tem gente sobrando e tem gente devendo.

Ah! O pênalti!? Achei pênalti.

abs,
RicaPerrone

Comentários