Home » + Chamada » O jeitinho Roth de vencer

O jeitinho Roth de vencer

Celso Roth é um ótimo negócio em 10 rodadas, conforme já falamos aqui e mostramos com números. O Vasco tem Celso em 2 jogos, fez 6 pontos.

Ok, duas vitórias de 1×0, suadas, apertadas, sofridas, mas…. é bem melhor que tomar de 3×0.

E os números não mentem. As estatísticas da Opta, exclusividade do blog, para os jogos do Vasco antes e depois de Celso Roth são bastante claros.

O time que trocava cerca de 550 passes por jogo, troca 350 agora.

O Vasco que arriscava 9% dos seus passes em bolas esticadas, hoje arrisca 15%.

O Vasco já chuta menos a gol, mas faz.  Comete mais faltas, corta muito mais a bola em ataques adversários (4 vezes mais que contra o Cruzeiro) e já simplificou o jogo.

O time que tinha mais posse de bola e perdia, agora tem menos e ganha o jogo.

O Vasco de 80% de precisão no passe caiu pra 70%.  O Vasco que driblava 11 vezes num jogo, dribla 5 agora.

O de antes ganhava 37% das disputas pelo alto. Esse ganha 48%.

O Vasco não melhorou tecnicamente, pelo contrário. Troca menos passes, tem menos a bola, busca menos o jogo. Mas entendeu que não tem condições técnicas pra ir além disso.

E funcionou.

O futebol que amamos não necessariamente funciona. O que funciona, amamos por funcionar.

abs,
RicaPerrone

Comentários