Home » Futebol » O fim do ciclo?

O fim do ciclo?

Algumas coisas no futebol são mais do que esperadas. Claro, o torcedor nunca espera nada que não seja o titulo. Mas, a logica diz outra coisa. O SPFC, como sempre, briga pelo titulo. Ricardo Gomes, que não é nada especial, levou o time do décimo sexto lugar ao segundo.

Agora o time cai de rendimento faltando 10 rodadas e deixa o título cada vez mais longe, brigando pela Libertadores e com chances de ficar sem ela. Alguns acham um absurdo, eu diria que é até normal e natural.

No futebol todo grande time se desfaz e raramente o remendo dele dá certo. No SPFC, em 2007/08, dá pra dizer que deu pelo titulo nacional, não pela bola que jogou. Mas, deu.

Em 2009, com a base mantida, ficou uma cara de time entrosado, de elenco forte, mas… de um time que já tem tudo. É preciso fome pra conquistar titulos, e esse time do SPFC está satisfeito.

Vamos por etapas, racionalmente.

O Rogério Ceni não é brilhante ha algum tempo. Contusão, má fase no comeco do ano, etc. Sempre achei o Ceni um goleiro “tunado”. Ou seja, ele não é uma ferrari como goleiro, mas tem tantos extras como qualidades que se torna um carrão. Sem os extras, ele vai caindo de rendimento, e por mais que seja um monstro de goleiro e jogador, eu sou um dos raros tricolores totalmente a favor de permitir que ele encerre em outro clube, pra ganhar sua grana.

Todo jogador precisa de uma transferencia. O Ceni nunca teve. Talvez 1 ano no Japão, EUA, México, possam dar a ele um dinheiro extra que ele merece.

Não, eu não estou sugerindo que o Ceni deva ser mandado embora. Jamais! Ele é patrimonio historico do SPFC. Mas, como ele ja me disse uma vez, talvez no finalzinho uma transferencia seja legal pra ele encher o bolso. E, talvez seja hora. Não por falta de tesão, mas porque eu detestaria ver o Ceni em má fase ou questionado no gol do SPFC.

E pra evitar a CHANCE disso acontecer em breve, aos 38 anos, eu pensaria numa transferencia dessas, com data marcada pra retorno e com jogo de despedida confirmado.

Miranda, Rodrigo e André Dias tem lá seus problemas.  O Miranda quer ir embora, é nítido isso e ele mesmo disse. O André Dias tem jogado bem, mas chegou a seleção brasileira. É natural que comece a querer algo mais. O Rodrigo é um eterno sem teto que ninguém sabe onde fica, pra onde vai, etc.

Richarlyson e Hernanes são casos diferentes. Um achou que era craque e virou um bailarino. O outro disseram que era craque e cobraram isso dele. Os dois não tem capacidade de fazer o que esperam deles. E me parecem de saco cheio.

Jorge Wagner também, ja ganhou tudo. Hugo e Borges sabem que vão embora em dezembro, não estão muito preocupados.  Washington sabe que não deve renovar em dezembro, também não deve estar muito afim.

E ai eu pergunto: Tirando o Ceni, que não envolve discussão sobre tesão, adianta manter essa base tanto tempo? Porque não houve uma renovação natural usando cotia nesse tempo todo?

Porque o Diego joga tudo aquilo na sub-20 e nem no banco do principal ele fica? Cade o Cazumba? Cade o Henrique? Cade o Oscar? Cade cotia?

Porque não mandam o Aislan e o Sergio Mota pra casa se eles estão la ha 20 anos e não conseguem nem ficar no banco? Ou serve, ou não serve. Ficar com jogador empatando a vida do cara e do clube é cagada.

O ciclo terminar é natural. E o SPFc sabe disso.

Na ultima reunião de conselho ja se falava em trocar 10 jogadores do time principal pra 2010, visando exatamente tirar essa sensação de “barriga cheia” dos caras.

O time é o mesmo que não jogou nada em 2008. Ganhou o titulo com sorte, muita sorte. Esse ano os rivais melhoraram, mas convenhamos, o SPFC não joga menos do que em 2008. Apenas se esforça menos.

Talvez seja o caso de repensar um elenco, e pra isso a torcida do SPFC vai ter que engolir um ano médio, sem conquistas e cheio de problemas. Ela não aceita, porque é acostumada a titulos. Apesar de ter esquecido que ficou 11 anos sem eles…

O Tricolor precisa reformular o time. E pra isso será necessário um ano dificil, talvez dois.

Mas lembre-se: Dificil no Morumbi é chegar em sexto. Não cair pra série B, etc. Portanto, menos terrorismo.

O caixa está 18 milhões negativos, ótimo saldo pra quem não vendeu ninguem. Quando vender, reverte isso em milhões positivos imediatamente.

Mas vende logo, antes que descubram que o SPFC é muito competitivo e não que o hernanes seja craque, Richarlyson, J. Wagner,etc…

Ou farão como fizeram com Borges e Hugo. Recusaram ofertas, perderam a grana, agora os dois saem de graça em dezembro e passam o ano andando em campo pensando no ano que vem…

abs,
RicaPerrone