Home » Futebol » Seleção » Neymar, o capitão

Neymar, o capitão

Neymar é jovem, talvez nem tenha o perfil de líder que esperamos de um capitão. Daqueles que grita, que orienta, chama atenção.  Mas é “o cara”, pede pra ser, faz por onde e parece ter a mesma facilidade pra driblar situações fora de campo do que dentro dele.

Thiago é o zagueiro capitão ideal. Sério, joga uma barbaridade, em tese o típico dono da braçadeira.  Mas aí surta num jogo da Copa, sente o peso. Passa o tempo, muda o treinador, ele se machuca, sai e quando volta dá pra imprensa de presente uma “pequena crise” ao invés de falar internamente.

Então, com tudo esclarecido, Neymar vai até ele e entrega a tarja de capitão como quem diz: “Taí, cara. Se é tão importante pra você, taí.”

O próprio Thiago não tem a reação mais espontânea do mundo, talvez porque tenha notado naquele momento porque perdeu a tarja.

Neymar pode não ser o maior líder motivacional do elenco, mas é de longe o mais preparado pra ser “o cara” num time que surtou e não soube lidar com a derrota há poucos meses.

Thiago é um zagueirão. Neymar, um gênio.

Acho que hoje ficou tudo muito claro.

abs,
RicaPerrone

Comentários