Home » Futebol » Clubes » Cruzeiro » Não dá pra reclamar

Não dá pra reclamar

Paciência, torcedor. Paciência. O São Paulo promete mudanças e elas não virão de um dia pra outro. O Cruzeiro troca o técnico, reforça o time e ainda não entrou na briga pelo título. Mas, promete.

No Morumbi, um jogão. Primeiro tempo do SPFC, segundo do Cruzeiro, emoção até o final, resultado justo e quem pagou ingresso não deve ter saido insatisfeito.

Na primeira etapa o Tricolor se postou como deveria ser quase sempre. Arriscou, agrediu, fez 1×0 e depois disso parou. O Cruzeiro, que fez péssimo primeiro tempo, voltou melhor e virou o jogo com todos os méritos.

Baresi mexeu, o time reagiu e foi buscar o empate no final. Se na pontuação muda pouco, dá pra dizer que o resultado é bem melhor pro Cruzeiro, que apesar de pequena diferença pro próprio SPFC, está perto do G4 enquanto o Tricolor olha de perto a zona de rebaixamento.

Não, esse time do SPFC não tem potencial pra cair. Longe disso.

O que deu pra aliviar no Morumbi hoje foram as boas mexidas do Baresi, as jogadas ensaiadas e alguma melhora na parte tática. Mas o time estava desfalcado, deve melhorar bastante nas próximas. O problema é a tabela. Vem Corinthians, Vasco e Flu.

O Cruzeiro pode sorrir com o empate pela camisa e por ser fora. Não é, nunca, ruim empatar com o SPFC no Morumbi. Por outro lado é nítido que o Gilberto faz uma enorme falta a este time, que o argentino é bom jogador, mas que o Roger tem que jogar.

Ele dá qualidade, e ao lado do gringo ou do Gilberto, deixa o Cruzeiro com um meio-campo de meter medo em qualquer defesa.  Ainda não conseguiram entrosar isso, mas já é hora.

Bom jogo, boas mudanças no Tricolor, boa reação do Cruzeiro.

abs,
RicaPerrone