Home » Futebol » Clubes » Vasco » Nada dá certo

Nada dá certo

Sabe quando você diz que “nada dá certo”, exagerando num momento de irritação? Então…. O vascaíno não estaria exagerando tanto.

Os laterais não se acertam. Os lances de melhor qualidade técnica na frente em 90 minutos foram quando Dedé ou Sandro Silva se adiantaram. Wendell, que na Europa era alto nível, aqui joga como um garoto sem rumo.

Carlos Alberto resolveu que não acerta mais nada, Eder Luis passou a não acertar nem a corrida, única coisa que sabe de fato fazer e o Tenório, que joga muito, vive quebrado.

Aí tem Felipe Bastos, Alessandro, Renato Silva e outros tantos que não comprometem nem ajudam muito. É um time que tudo que tentou, deu errado.

Pelo alto, por baixo, pela direita, pela esquerda, individual, no toque de bola, até no bicão.

Nenhuma jogada do Vasco funcionou em 90 minutos e vou te dizer que é raro assistir isso acontecer até mesmo com o Olaria, imagine com o Vasco.

Autuori deve ter notado em alguns dias que não assumiu apenas um grande clube em crise. Assumiu um problema com salários, com estrutura, com um time que parece não sentir tanto o resultado ruim ao final das partidas, bem diferente daquele que, também sem salários, nas mesmas condições, quase foi campeão brasileiro porque não sabia perder.

Esse time sabe. Tem um dom incomum pra explicar derrotas e dizer que “tem que ter tranquilidade”, mesmo estando a 8 pontos do líder numa taça Rio.

Reforços, garotos, técnicos, dirigentes. O Vasco tentou de tudo, “nada dá certo”.

Um time que erra passe de 3 metros não precisa de treinador, nem de treino. Precisa de outra coisa…

abs,
RicaPerrone