Home » + Chamada » Mais do mesmo

Mais do mesmo

Aguirre deixa o Galo. Deixa num começo de Brasileiro, deixa quase classificado a uma semifinal, deixa na condição de favorito ao Brasileirão em todas as casas de apostas do mundo.

Porque fez um timaço jogar bola? Não. Porque “apesar dele”, o time é forte.

As pessoas vão morrer abraçadas com a idéia vazia de avaliar o resultado de um time e através disso encontrar no treinador “o cara que me deu o titulo x”.  Treinador não dá titulo pra ninguém, é parte de um processo.

Futebol se avalia por desempenho. A bola entra, as vezes não entra. Se ontem tivessem dado o pênalti do Maicon o Aguirre teria, então, feito um bom trabalho?  Sim, pra enorme maioria, sim.

Mas a real é que seu time é mais do mesmo. Defende, enfia o regulamento nos braços e o talento que ache um gol. Não tem NADA do meio pra frente que não seja dependente unica e exclusivamente da técnica individual dos caras.

Bauza, classificado, igualzinho.  Muricy, tricampeão, idem. Marcello Oliveira, mesma coisa.

A troca de safra demora e enquanto ela não acontece integralmente precisamos ter o bom senso de avaliar o que vemos em campo sem o placar do jogo.

O Galo, tal qual o Inter dele, nunca chegou perto de jogar o que podia.

Nada acrescentou. Nem ao Galo, muito menos ao futebol brasileiro.

abs,
RicaPerrone

Comentários