Home » + Chamada » Logo você?

Logo você?

Logo você, Flamengo? Estranhando o que houve hoje no Beira-Rio sob qual argumento? De desconhecer o que um time grande em casa quando inflama sua torcida é capaz não deve ser, afinal, te conhecemos de longa data.

Não era imprevisto. O Inter em casa jogaria a vida, e mesmo jogando pouco, seria muito duro.  Casa cheia, torcida entre a pressão e o empurrão, e eis que o gol do Flamengo gera tudo que já cansou de gerar a favor do rubro-negro no Maracanã.

Uma coisa é estar pressionando pra virar. Outra pra ganhar ou segurar uma liderança. O Inter tinha medo de perder até a hora que esteve perdendo. Ali, o Inter passou a ter que conseguir o “milagre de ganhar”.  E então toda pressão virou força, toda corneta virou canto e o Internacional assumiu sua condição de Internacional.

Demérito do Flamengo? Não, ele mesmo faz isso com frequência no Maracanã. O próprio veneno, a imposição da força da camisa em sua casa pelo grito. Os gols sabem-se lá como.  “Isso é Flamengo!”.  É, mas é também Inter.

O Colorado fez uma partida dentro do que pode jogar hoje. O Flamengo em queda livre de rendimento está claramente sentindo o desgaste da temporada. É físico, há algumas semanas o time rende menos a cada jogo. É compreensível, não teve casa, viajou 200 vezes mais que os outros.

Os outros não tem nada com isso. E se tantas vezes “foi dia de Flamengo no Maracanã”,  é dia de saber se coadjuvante em “Dia de Inter no Beira-Rio”.

abs,
RicaPerrone

Comentários