Home » Futebol » Clubes » Flamengo » Livro novo do Arturzão na área!

Livro novo do Arturzão na área!

hexagerado-chico

Como o título já deve ter permitido aos mais perspicazes perceber, trata-se da edição de alguns dos posts desse Urublog durante o inesquecível melhor campeonato brasileiro da era dos pontos corridos (e, cá pra nós, o primeiro a terminar de forma minimamente aceitável). Mas outro livro de posts do blog, meu camarada?

Peraí, claro que depois de revisados, submetidos à boa norma ortográfica, despidos de seus excessos jaculatórios e organizados cronologicamente pelo meu experiente editor (ele também um autor, o botafoguinhense Jorge Viveiros de Castro) meus posts mais sem noção ficam até parecendo gente. A verdade é que eu sou o cara menos indicado pra falar sobre o livro. Por isso vou deixar que o editor da obra explique do que se trata o Hexagerado sem dar tanta volta.

“Primeiro foi a geração de Zico, Adílio Nunes e Cia, com seus títulos de 1980, 82 e 83. Em 1987, de novo com Zico no comando de um timaço que ainda contava com Renato Gaúcho e Bebeto, ceio a conquista da Copa União, que reunia a nata do futebol brasileiro num campeonato efetivamente de primeira divisão – balão de ensaio para a fórmula que seria definitivamente adotada neste novo século. Em 1992, Júnior foi o capitão do pentacampeonato. E depois de dezessete anos de uma longa espera, a hora é hexa…

Jogo a jogo, ponto a ponto, eis aqui documentada, para deleite das várias gerações de flamenguistas – e especialmente para a nova geração que não pode acompanhar de perto a magia dos tempos de Zico-, a história da épica conquista do Campeonato Brasileiro de 2009 pelo Mengão, no texto saboroso e hiperbólico do torcedor-símbolo Arthur Muhlenberg.

Das profundezas próximas à zona do rebaixamento no primeiro turno à ascensão meteórica capitaneada pelo craque Petkovic, pelo artilheiro-imperador Adriano e pelo comandante de pele rubro-negra Andrade, toda a saga do hexacampeonato é apresentada com textos escritos no calor da hora, que documentam com máxima fidelidade o espírito de um torcedor apaixonado pelo bom futebol – e que, como bom flamenguista, jamais deixou de acreditar no time, na camisa e na conquista, mesmo nos momentos mais difíceis. “

Na sexta-feira, assim que o bichinho chegou da gráfica fui voado pra reúna do Conselho que aprovou os uniformes do ano que vem. Só que dei mole e cheguei atrasado, já tinha acabado e nem vi os panos sagrados. Mas tive o cuidado de perguntar pra pessoas de bem e me disseram que o manto 3 que homenageia o Blau-Jalde da nossa heráldica ancestral é bonito e não tem nada a ver com as montagens que tem pintado por aí. Tem muito menos amarelo e azul do que tão imaginando, aguardem e comprovem.

isso que é presidente

Como cheguei no fim da reúna não quis perder a viagem e dei uma de picareta master. Entreguei o primeiro exemplar do Hexagerado pra nossa presidenta eleita. Patrícia foi muito gente boa e  não se recusou a me dar essa imensa moral mesmo sabendo que não era seu eleitor. Foi ela quem pediu pro sangue bom Rodrigo Sabóia tirar essa foto aí. E o mais maneiro foi que ela disse que se amarrou no Manual e que ia começar a ler o Hexagerado naquela mesma noite. Isso sim que é presidenta. Nem foi empossada e já tá mandando bem pra caramba. Valeu, Patrícia.

Enfim, o livro tá na área, amiguinhos. Espero que vocês tenham sido bonzinhos durante o ano e possam pedir o seu exemplar pro Papai Noel, que certamemte não se negará a atender. Escrevam suas cartinhas e não se esqueçam de deixar o sapatinho (que foi tão usado esse ano) na janela na noite de Natal. Mas se você foi desobediente e fez muita bagunça nem perca o tempo do bom velhinho. Vai logo nesse link aqui e encomende o seu.