Home » Futebol » Clubes » Corinthians » Jogaço no Pacaembu

Jogaço no Pacaembu

Se o Corinthians não repetiu as boas atuações que teve na temporada, o Vasco compensou e surpreendeu. Como havia previsto, não seria a facilidade que muitos pintaram. Dois grandes quando se cruzam raramente é fácil. E o Vasco caiu, mas caiu em pé, jogando uma grande partida e honrando sua camisa. 

O Timão teve um Ronaldo apagado, uma falta danada do André Santos e uma atuação assustada, eu diria. Não pensou que o Vasco viria da forma que veio e quase se complicou.

De qualquer forma, um jogaço. 

O Corinthians merece a vaga pela campanha que fez até aqui e pelo bom desempenho da sua defesa quando precisou. Não basta só saber agredir, é preciso saber se defender num dia em que as coisas não funcionam no ataque.

O Vasco, como disse, cai em pé. Partida digna de quem busca voltar ao seu lugar de direito. O técnico do Vasco é realmente uma surpresa agradável. Seu time toca a bola, joga no chão, não tem medo do drible e mesmo limitado, cria e busca.

Outro destaque foi a torcida do Corinthians, que mesmo diante de uma atuação recuada e sofrendo pressão, cantou o tempo inteiro e empurrou o time ao menor drible em campo. 

Quando perdeu Carlos Alberto o Vasco ficou previsivel. Ele era o cara que podia fazer algo diferente. Dali pra frente o Vasco foi pro abafa e o Corinthians teve espaço. Com ele, quase o gol do Ronaldo.

O penalti aconteceu, mas eu nem acho que mereça muito auê porque é daqueles que acontecem todo jogo e ninguém nunca marca. 

Jogaço! 

Inter x Corinthians, a final prevista desde o começo, virou fato. E serão dois jogos para a historia do futebol brasileiro.

Sem favoritos, são dois gigantes.

abs,
RicaPerrone